Silvio Santos vem aí!

 

“Agora é hora de alegria… vamos sorrir e cantar! Do mundo não se leva nada… vamos sorrir e cantar”
Não importa a idade, Silvio Santos com certeza já fez ~ ou faz ~ parte da sua vida e finalmente chegou a hora de homenageá-lo. “Silvio Santos vem aí” é a nova exposição do MIS (Museu da Imagem e do Som, em São Paulo) que abriu as portas para o público ontem!

Quem me conhece sabe o quanto eu AMO (sim, AMO mesmo!) o Silvio Santos e o SBT e quando fiquei sabendo sobre a exposição, simplesmente sabia que não poderia deixar de conferir. Para melhorar ainda mais, ganhei de surpresa do meu afilhado 🙂 o ingresso para ir na estreia! Imagina o quanto eu estava feliz ontem!

Para quem já se divertiu com qualquer programa dominical, vai amar a exposição! É muito interativa e te faz sentir parte ~ nem que seja só por um pouquinho ~ do auditório do SBT. Tentação, Topa tudo por dinheiro, Show do Milhão, Domingo no Parque, Troféu Imprensa. Tem muita coisa ali para se divertir, brincar e dar boas risadas.

Além disso, a exposição também leva ao público objetos originais da história do Silvio, como o famoso e tradicional microfone que ele usou desde a década de 60 até o ano de 2015!

Ainda, é possível passear pelos programas A praça é nossa, Namoro na tevê, Porta da Esperança, Bozo, O Baú da Felicidade, Casa dos Artistas, Chaves… é possível também encontrar o Show de Calouros e ouvir os depoimentos de Sérgio Mallandro, Sonia Lima, Wagner Montes, Leão Lobo, Gugu, Nelson Rubens e diversos outros artistas que ganharam visibilidade depois de trabalhar com Silvio Santos.

A mostra ainda conta a história do Silvio desde antes dos tempos de camelô no Rio de Janeiro e como ele se tornou o maior ícone da televisão brasileira. Vale a pena conferir!

Informações:
Silvio Santos vem aí!
MIS – Avenida Europa, 158 São Paulo
De 07 de dezembro de 2016 a 12 de março de 2017
Horários: das 11h às 20h (terça a sexta-feira); 10h às 21h (sábados); e 10h às 19h (domingos e feriados)
Ingressos: R$ 30 inteira e R$ 15 meia; gratuito para crianças até cinco anos. Compra diretamente na bilheteria ou antecipada pelo site.

    Torta de frango da vovó Lulu

     

    A receita de hoje é daquelas que deixam os nossos corações um pouco mais quentinhos 🙂

    Há alguns meses, minha tia encontrou um livro de receitas que minha avó escreveu para ela quando minha tia casou, em 1979. Esta é uma receita de torta de frango caseira, que está na minha família há muitos anos e era tradicionalmente feita pela minha vó quando a família estava reunida.

    Minha vó faleceu há um ano e, desde então achávamos que a receita havia se perdido pois mesmo antes de adoecer ela já não se lembrava mais como fazer a torta, quais ingredientes usar e o passo a passo para servir à mesa.

    Foi quando encontramos a receita e aproveitamos que a família esteve reunida para homenageá-la e fazer a torta com todo o amor que ela cozinhava. E o resultado ficou incrível! Muito feliz em poder resgatar essa receita e poder passá-la para as próximas gerações da família.

    Por isso, gostaria de compartilhar com vocês essa receita que é MUITO especial para a minha família. Veja a receita que conseguimos resgatar.

    Ingredientes:

    Recheio
    1,5 kg de sobrecoxa sem pele
    1 lata de ervilha
    1 vidro de palmito
    3 batatas grandes
    2 tomates sem pele e sem semente
    1 vidro de azeitona sem caroço
    1 colher de sopa de maizena dissolvida em 1 xícara de leite

    Massa
    2 xícaras de chá de farinha de trigo
    1 xícara de chá de maizena
    1 ovo
    2 colheres de sopa de manteiga
    2 colheres de sopa de óleo
    1 xícara de chá de leite
    1 colher de sopa de fermento em pó

     

    Modo de fazer:

    Recheio
    Refogue o frango de acordo com o tempero de sua preferência (por aqui, temperamos apenas com alho, cebola, sal e cheiro verde) e coloque para cozinhar junto com o tomate na panela de pressão até que fique em ponto para desfiar.

    Depois de cozido, desfie o frango e junte com o palmito, ervilhas, azeitonas e refogue com uma colher de maizena dissolvida em uma xícara de leite e deixe engrossar. Reserve.

    Enquanto isso, cozinhe as batatas cortadas em cubos sem casca com uma pitada de sal e reserve.

    Massa

    Pré-aqueça o forno a 200 graus.

    Em um recipiente misture todos os ingredientes. Abra a massa em uma superfície plana até formar uma massa fina, adicionando farinha até que ela fique homogênea e separe em duas porções: uma para forrar e outra para cobrir a torta.

    Unte uma forma de vidro com óleo e forre seu interior com a massa. Adicione todo o recheio e em seguida cubra com o restante da massa e decore do jeito que você preferir.

    Leve ao forno por 35 minutos ou até a massa dourar.

    Retire do forno e está pronta para ser servida.

    E aí, o que achou desta receita de família?
    Conta aqui 🙂

      Removendo manchas difíceis

       

      Mês passado fui a um evento muito legal que LG organizou: um encontro o Dr. Tira Manchas, que nos ensinou truques super diferentes, práticos e rápidos para remover as manchas ~ até aquelas mais difíceis ~ do cotidiano sem danificar as roupas.

      Além de nos mostrar os truques para tirar manchas, também pudemos conhecer um pouquinho mais sobre a máquina lava e seca Top Gun Inverter da LG, com capacidade de 14 kg, que possui seis movimentos diferentes de lavagem em 12 programas, com 13 ciclos extras.

      Veja abaixo alguns dos programas de máquina lava e seca que facilitam nossa rotina:

      Jeans

      scan1

      Roupa de cama, mesa e banho

      scan2

      Veja agora alguns truques para remover manchas. É só misturar os ingredientes ~ a famosa ‘misturinha’ ~ e aplicar direto na mancha. Dependendo do tamanho, é mais fácil aplicar com uma escovinha para facilitar o trabalho. Logo em seguida, é só lavar e secar normalmente:

      Catchup
      1 colher de sopa de sabão em pó
      1 colher de sopa de lustra-móveis
      2 colheres de sopa de água sanitária

      Batom
      1 colher de sopa de removedor
      1 colher de sopa de lustra-móveis
      3 colheres de sopa de limpeza pesada

      Graxa
      1 colher de sopa de sabão em pó
      1 colher de sopa de lustra-móveis
      1 colher de sopa de limpeza pesada

      Shoyu
      1ª fase: limpa vidros
      2ª fase: 1 colher de sopa de sabão em pó + 3 colheres de sopa de água sanitária

      img_4017

      Manga
      1 colher de sopa de sabão em pó
      1 colher de sopa de água
      3 colheres de sopa de água oxigenada

      Tinta de caneta
      3 colheres de sopa de lustra-móveis
      1 e ½ colher de sopa de removedor
      1 colher de sopa de detergente incolor

      Vinho
      1 colher de sopa de sabão em pó
      1 colher de sopa de água
      5 colheres de sopa de limpeza pesada
      5 colheres de sopa de água sanitária

      img_3719

      E aí, o que achou desses truques?
      Você conhece algum segredo para tirar manchas? Conta aqui 🙂

        Dicas para cuidar dos eletrodomésticos

         

        Semana passada fui a um workshop da Consul sobre limpeza e manutenção de eletrodomésticos. Além de aprender um pouquinho mais sobre o funcionamento dos aparelhos que temos em casa, foi possível tirar dúvidas sobre quais produtos usar para manter os eletrodomésticos limpinhos e sempre funcionando.

        Confira algumas dicas:

        Refrigerador e cervejeira
        Para conservar o refrigerador e garantir seu bom funcionamento por mais tempo, é importante remover as prateleiras e aplicar produtos de limpeza neutro, como Veja, nos compartimentos internos da mesma. Após a limpeza interna, deve-se limpar as prateleiras da porta e dos compartimentos internos e aí então retornar as peças aos lugares de origem.

        O ideal é realizar a limpeza do refrigerador a cada dez dias e do freezer a cada 15.

        Inox: Os eletrodomésticos com acabamento em inox podem sofrer corrosão se forem atingidos por produtos de limpeza que contenham cloro. Em relação ao uso de panos e esponjas, eles não devem estar encharcados. Jatos de água também não são bem-vindos. Esponjas de aço não devem ser utilizadas, bem como cera ou produtos de limpeza com silicone ou materiais inflamáveis. O ideal é que a limpeza seja feita com um pano úmido e, na sequência, é necessário secar a superfície. Dessa forma, é possível evitar o aparecimento de manchas e o desencadeamento do processo de ferrugem.

         

        Micro-ondas
        A limpeza deve ser contínua. Ao utilizar o micro-ondas e verificar que o alimento deixou resíduos, odor ou respingos, a higienização deve ser imediata.

        Para remover resíduos mais difíceis, a recomendação é aquecer uma pequena jarra de água, com algumas rodelas de limão por três a quatro minutos, na potência máxima. O vapor gerado durante o aquecimento ajudará a amolecer a sujeira e facilitar a limpeza. A recomendação é limpar o micro-ondas imediatamente. Além disso, é necessário ter cuidado com os recipientes utilizados. Embalagens totalmente fechadas não devem ser aquecidas, pois há risco de estourar. Potes de plástico, que não sejam próprios para micro-ondas, não suportam o calor e podem derreter. Já os de metal podem gerar faíscas.

        Para a limpeza da parte interna do micro-ondas (do gabinete à porta) deve-se utilizar somente um pano úmido com sabão ou detergente neutro. Neste caso é desaconselhável o uso de produtos tóxicos, palha de aço e esponja áspera. Já o painel de controle deve ser limpo apenas com um pano seco ou papel toalha. Em modelos que contém o prato giratório, o mesmo deve ser retirado do micro-ondas e lavado na pia, com esponja e detergente. Vale destacar que é importante não utilizar produtos abrasivos ou inflamáveis, sabão em pasta ou removedores, para não danificar o produto.

         

        Fogão

        Os produtos, independentemente de seu acabamento, devem sempre ser higienizados com um pano úmido com sabão ou detergente neutro. No caso do aço inox, apesar de ser resistente, pode haver corrosão se forem atingidos por produtos de limpeza que contenham cloro. Em superfícies engorduradas é aconselhável utilizar detergente neutro. Produtos abrasivos ou inflamáveis, sabão em pasta ou removedores não devem ser utilizados. A limpeza deve ser contínua. Ao utilizar o fogão é importante conferir se algum resíduo respingou e higienizá-lo imediatamente. Isto fará com que os materiais de acabamento não fiquem manchados ou que alguma função do produto seja danificada.

        Para a limpeza das grelhas e dos queimadores, a recomendação é utilizar palha de aço. Ao finalizar, é importante secar completamente para evitar o acúmulo de água e garantir que a chama fique uniforme em toda a volta do queimador.

         

        Cooktop
        A limpeza do tampo e dos botões deve ser realizada com a utilização do lado suave da esponja, ou mesmo com um pano macio, que leve sabão ou detergente neutro. Não é recomendável utilizar produtos abrasivos ou álcool, que além de apagar as serigrafias, podem danificar o produto. No caso de remoção de manchas, o mais recomendado é utilizar restaurador para inox. Não é recomendado utilizar produtos de limpeza com jatos de vapor para evitar que a umidade infiltre no produto e o danifique. Essas dicas são válidas para cooktops em inox, vitrocerâmico ou esmaltados. A limpeza deve ser contínua.

         

        Forno
        Em fogões que possuem fornos com ação autolimpante, acenda-o na função por uma hora. Após este período, desligue o forno e ele já estará pronto para uso. Em fogões que possuem a tecnologia Cleartec, utilize um pano macio para remover o excesso de gordura do interior do forno.

         

        Purificador de água
        A bandeja coletora do purificador deve ser higienizada apenas com água e sabão. Esses dois materiais são suficientes para garantir a limpeza da peça.

         

        Coifa
        Desligue o disjuntor ou retire o plugue da tomada antes de limpar ou realizar qualquer manutenção na coifa. Todos os tipos de aço inox, apesar de resistentes, podem sofrer corrosão se forem atingidos por produtos de limpeza que contenham cloro, como alvejantes e água sanitária. Não se devem utilizar panos ou esponjas encharcadas, muito menos jatos de água. Cera ou produtos de limpeza com silicone ou materiais inflamáveis também devem ser descartados, bem como esponjas de aço ou objetos pontiagudos e cortantes, pois podem danificar o produto.

        A limpeza deve ser feita frequentemente, interna e externamente, pois o acúmulo de gordura no interior do filtro diminui o rendimento da coifa. Para lavagem de rotina o indicado é utilizar apenas um pano ou esponja macia com sabão neutro, desengordurante ou detergente (suave ou neutro). Remova o resto de detergente com um pano úmido e seque com pano seco ou papel. O acúmulo de água e resíduos pode provocar o aparecimento de manchas e desencadear o processo de ferrugem.

        Filtro de gordura: o filtro metálico de gordura possui duração ilimitada. Ele deve ser lavado pelo menos uma vez ao mês. Para remover o filtro, puxe o puxador para fora. Depois que o filtro for lavado e estiver seco, recolocar seguindo o procedimento inverso.

        Filtro de carbono ativo: o filtro de carbono ativo deverá ser lavado com água quente, com detergente neutro. Após a lavagem, o filtro de carbono deverá ser reativado com a recolocação no forno a uma temperatura de 100ºC durante 10 minutos. Ele deve ser lavado a cada cinco meses e substituído a cada três anos.

         

        Lava-louça
        Para conservar a máquina lava-louças e garantir seu bom funcionamento por mais tempo, é importante remover a maior parte dos resíduos sólidos que permanecem na máquina após os ciclos de lavagem, evitando o entupimento das tubulações. Para realizar a limpeza dos filtros, basta levantar o cesto inferior e retirar o conjunto de filtros. Lavar em água corrente, com cuidado para não danificar a tela. Se for necessário, usar uma escova de cerdas macias. Retorne as peças aos lugares de origem e continue usando a máquina normalmente.

        As hélices, superiores e inferiores, também devem ser limpas a cada lavagem, como uma forma eficiente de manter o bom funcionamento da máquina. A demora na retirada dos resíduos é a principal causadora de mau cheiro.

        A limpeza da parte externa das lava-louças pode ser feita após cada lavagem, mas depende da necessidade de cada consumidor. Antes de iniciar, é importante desligar o produto da tomada. A limpeza da parte externa deve ser feita apenas com um pano úmido, seguido por um pano seco, para evitar danos. Não utilizar produtos abrasivos como esponjas de aço, solventes ou álcool. Nas máquinas com porta de vidro é recomendado realizar a limpeza pelo menos uma vez na semana, para garantir que o vidro não fique manchado com os resíduos que respingam das lavagens.

         

        Lavadora
        A limpeza interna da lavadora deve ser realizada a cada dois meses. O passo a passo é o seguinte: certifique-se de que não exista nenhuma peça de roupa no interior da lavadora; coloque meio litro de alvejante (água sanitária) diretamente no cesto; ligue o produto no maior ciclo para ter a garantia de que todo o alvejante foi removido ao fim da operação.

        Já a limpeza externa, deve ser feita desta forma: limpe a tampa semanalmente, evitando o acúmulo de resíduos, e utilize sabão neutro, aplicado com esponja ou pano macio, em toda extensão do produto. Observações importantes: nunca utilize limpa-vidros, álcool, removedores ou substâncias abrasivas, principalmente na tampa; nunca utilize jatos de água (com o uso da mangueira, por exemplo) e sempre seque a superfície higienizada, evitando ferrugens.

        Ao final do workshop, ganhei uma cesta de produtos para manter tudo limpo e organizado por aqui!

        img_5113

        E por aí na sua casa, tem alguma dica para limpar e conservar seus eletrodomésticos?
        Conta aqui 🙂

          Bolo de cenoura recheado com brigadeiro trufado

           

          Ontem foi o aniversário da minha irmã (parabéééénssss Bia!!) e para comemorar eu e minha mãe testamos o bolo de cenoura recheado com brigadeiro trufado do blog Flor de Sal. Parece chique, mas na verdade é muito fácil de fazer e o resultado é surpreendente! Todos os convidados amaram a receita… quase não sobrou bolo para o café da manhã rsrsrsrs
          Mas deu tempo de tirar fotos para mostrar como ficou.

          Veja como fazer este bolo e surpreenda a todos os seus convidados.

          Ingredientes:
          3 ovos
          2 cenouras médias cortadas
          2 xícaras de açúcar
          1 xícara de óleo
          2 xícaras de farinha de trigo
          1 colher rasa de sopa de fermento
          1 lata de leite condensado
          2 colheres de cacau em pó
          1 colher de manteiga sem sal
          1 caixa de creme de leite
          1 xícara de chocolate 1/2 amargo picado
          Granulado para finalizar

          Modo de fazer:

          Bolo de cenoura
          Bata no liquidicador: os ovos, a cenoura, o óleo e o açúcar. Em seguida, coloque a farinha e o fermento e bata rapidamente. Somente para misturar. Coloque em uma forma untada de furo no meio (de 20 a 25cm de diâmetro).
          Deixe em forno preaquecido a 180º por aproximadamente 45 minutos. (Faça o teste do palitinho). Tire do forno e deixe esfriar. Desenforme.
          Dica: Todos os ingredientes secos do bolo devem ser peneirados, como farinha, fermento, açúcar. Assim retira as impurezas e o bolo fica mais leve.

          Brigadeiro trufado
          Em uma panela, coloque o leite condensado, o cacau, e a manteiga. Mexa bem e ligue o fogo baixo. Desligue assim que desprender do fundo. Coloque o creme de leite e o chocolate picado.
          Mexa bem e leve a geladeira em quanto o bolo está no forno.

          Montagem do bolo
          Corte a tampa do bolo e reserve. Retire um pouco do miolo do bolo e reserve.
          Coloque uma parte do brigadeiro trufado na parte do miolo e em seguida tampe com o bolo que tirou do miolo e finalize com a tampa do bolo.
          Com o restante do brigadeiro trufado, cubra o bolo e acrescente granulado por cima.

          img_5270

          img_5274

          E aí, o que achou da receita?
          Conta aqui 🙂