Receita do dia: terrine de legumes grelhados

 

Fui desafiada pela marca de azeites Gallo a fazer uma receita refrescante e colorida para o Carnaval. Com ajuda da Carol, surgiu a ideia de uma terrine de legumes grelhados para dar aquela alegria à mesa e às comemorações desta época do ano. Veja como é fácil inovar e fazer esta receita deliciosa que vai bem como entradinha ou acompanhamento a qualquer hora do dia:

Ingredientes:
500g de abobrinha fatiada
500g de berinjela fatiada
2 pimentões vermelhos fatiados
2 pimentões amarelos fatiados
1 pacote de gelatina sem sabor
Azeite
Tomilho
Sal e pimenta

Modo de fazer:
Preparar a gelatina sem sabor de acordo com as instruções e deixar esfriar até a temperatura ambiente e reservar.

Cortar a abobrinha em fatias longas e finas, salgar e deixar em um escorredor até que perca sua água. Fatiar a abobrinha ao longo em fatias finas (pode usar a mandolina) e grelhar na frigideira bem quente com azeite.

Passar na frigideira também a berinjela depois que já estiver sem o excesso de água.

Assar os pimentões diretamente na chama do fogão, depois descascar e retirar o meio e sementes. Cortar em fatias. Reservar.

Assim que todas as verduras estejam prontas temperar com sal, pimenta e azeite para preparar a terrine.

Forrar uma forma retangular com filme plástico e ir preenchendo com as verduras em camadas passando sempre as verduras na gelatina antes de colocar na forma. Entre cada camada colocar um pouco de tomilho para temperar.

Escolha a ordem dos legumes como achar melhor, para ter um prato mais colorido, você pode descascar a berinjela.

Após colocar todos os ingredientes, cubra com mais filme plástico e aplique um peso para que a terrine fique compacta. Deixar na geladeira por no mínimo 6 horas.

Antes de servir, retirar o líquido que se formará. Desenforme em um prato adequado e sirva inteira ou parcialmente fatiada. Bom apetite!

E aí, o que achou do resultado?
Conta aqui 🙂

    Receita do dia: caponata de berinjela

     

    Que tal começar a semana preparando uma receita deliciosa para receber os amigos e a família no final de semana? Esta receita é fácil de fazer mas precisa de alguns dias para ficar no ponto certo. Vem ver como fazer a caponata de berinjela, uma ótima opção para o aperitivo!

    Ingredientes:
    3 berinjelas lavas e cortadas em cubos
    1 cebola grande
    1/2 pimentão verde
    1/2 pimentão amarelo
    1 xícara de chá de azeitonas cortadas
    3 dentes de alho
    Orégano
    200 ml de vinagre
    Azeite e sal a gosto
    Pimenta do reino
    Molho inglês

    Modo de fazer:
    Deixe as berinjelas descansarem no vinagre por mais ou menos 1 hora, depois escorra.

    Em uma travessa coloque a berinjelas, a cebola e os pimentões, tempere com o sal, orégano e pimenta do reino e cubra de azeite.

    Coloque um papel alumínio e leve ao forno baixo (180°) por 30 minutos.

    Espere esfriar e coloque em um pote, se necessário, coloque mais azeite para cobrir. Deixe apurar o gosto por 3 dias.

    E aí, o que achou da receita?
    Conta aqui 🙂

      Receita do dia: tiradito de peixe marinado no azeite

       

      Que tal fazer uma entradinha ou aperitivo delicioso para o final de semana? Esta é a sugestão que recebi do Azeite Gallo para deixar sua refeição ainda mais memorável. Veja como é fácil fazer um tiradito de peixe branco marinado no azeite com chips de batata doce:

      Ingredientes:
      120g Filé de tilápia (ou qualquer peixe branco)
      Uma pitada de cardamomo em pó (eu usei pimenta rosa e ficou uma delícia!)
      Pimenta Gallo, molho de pimenta malagueta com toque de Azeite Gallo, a gosto
      Flor de sal a gosto
      Suco de meio limão e raspas de Limão siciliano
      Azeite Gallo Extra Virgem Colheita ao Luar, a gosto
      1 colher de sopa de Chips de batata doce
      Cebolinha a gosto

      Modo de fazer:
      Comece pelos chips de batata doce. Lave a bata doce e deixe secar. Faça finas fatias no mandolin ou na faca. Coloque em uma assadeira com azeite, sal grosso e alecrim e asse em fogo médio por 10 a 15 minutos cada lado da batata. Retire do forno e reserve até que elas sequem e fiquem bem crocantes. Corte os chips com a mão, para que fiquem com aspecto de crisps, em pequenos pedaços crocantes e reserve.

      Corte o peixe em finas fatias (como sushi, carpaccio, o mais fino que conseguir) fazendo os cortes na diagonal da peça. Tempere com flor de sal, raspas e suco de limão siciliano, algumas gotinhas de Pimenta Gallo, e regue com bastante Azeite Gallo Colheita ao Luar. Acrescente cardamomo em pó (eu substituí por pimenta rosa). Finalize com cebolinha picada e os chips de batata doce.

      Está pronto para servir!

      E aí, o que achou desta receita?
      Conta aqui 🙂

        Receita do dia: suflê de frango com milho

         

        Que tal começar a semana com uma receita super gostosa e fácil de fazer? A San testou e aprovou um suflê de frango com milho super prático e compartilhou com a gente para você testar por aí também. Vem conferir o passo a passo:

        Ingredientes:
        2 colheres de sopa de manteiga
        1 dente de alho picado
        1/2 cebola picada
        1 lata de milho verde escorrido
        3 xícaras de chá de peito de frango cozido e desfiado
        1 cubo de caldo de galinha (nesta etapa, a San fez o seu próprio caldo de galinha: colocou os peitos se frango para cozinhar com 1 cebola, 2 dentes de alho, 1 cenoura, 1/2 pimentão, 1 folha se louro, 1/2 colher de chá de páprica doce e sal por aproximadamente 15 minutos)
        1 colher de sopa de farinha de trigo
        1 xícara de chá de água morna ~a San usou caldo de galinha no lugar da água
        Sal e cheiro-verde picado a gosto
        4 claras em neve
        Manteiga para untar
        1/2 xícara de chá de queijo parmesão ralado

        Modo de fazer:
        Aqueça uma panela com a manteiga, em fogo médio, e frite o alho e a cebola até dourar.

        Adicione o milho, o frango e refogue por 3 minutos. Junte a farinha dissolvida no caldo de galinha, tempere com sal, cheiro-verde e cozinhe até engrossar levemente, mexendo.

        Desligue e deixe amornar. Misture delicadamente com as claras em neve e despeje em ramequins untados.

        Polvilhe com o parmesão e leve ao forno médio, preaquecido, por 15 minutos. Retire e sirva em seguida. Bom apetite!

        E aí, o que achou desta receita?
        Conta aqui 🙂

          Cenouras coloridas, muito prazer!

           

          Você já viu ou ouviu falar de cenouras coloridas? Não?
          Não se preocupe…. eu também nunca tinha ouvido falar muito menos visto pessoalmente este legume que não fosse laranja. Até ontem: a Fruta Imperfeita me apresentou as variações deste legume em roxo, branco e amarelo. Uma mais linda que a outra e o que é ainda melhor: orgânicas.

          Para a minha surpresa, as cenouras coloridas são 100% naturais e as cores roxa, branca e amarela exitem muito antes da laranja. Na verdade, as cenouras roxas e brancas são cultivadas no Irã e na Arábia Saudita desde o século XI e a criação da cenoura laranja só veio mais tarde, no século XVI devido à mistura da cenoura vermelha com a branca. Segundo a lenda, ela foi criada especificamente na Holanda para homenagear William I de Orange durante a guerra holandesa de independência da Espanha e hoje é uma das mais famosas porque este cruzamento de cores e espécies trouxe ainda mais nutrientes a este legume.

          Estas cenouras que eu recebi são de um pequeno produtor orgânico em Ibiúna, no interior de São Paulo e o projeto da Fruta Imperfeita está aí para incentivar esta parte da cadeia produtiva tão importante e dar suporte a este trabalho. Se você ainda não conhece este projeto, clique aqui para conferir e receber as cestas perfeitamente imperfeitas na sua casa.

          Fique de olho por aqui… nas próximas semanas vou postar receitinhas com estas cenouras coloridas e contar um pouco mais sobre o gosto de cada uma delas. Se você tem alguma sugestão de receita, não esqueça de mandar!