Minha decoração de Natal

 

E finalmente o mês mais feliz do ano ~ pelo menos para mim ~ chegou. Época de comemorar o Natal, reunir aqueles que a gente ama, aproveitar o período para tirar mini férias e esperar pelas boas energias do ano novo. Este é o clima de dezembro que já chega acompanhado pela decoração de Natal daqui de casa.

Este ano não comprei muita coisa porque tinha investido bastante na decoração do ano passado. Para ser diferente, resolvi mudar alguns itens de lugar e investir na criatividade para combinar a decoração. E acho que funcionou bem por aqui 🙂

Um dos únicos objetos que comprei foi este enfeite de porta. Ele foi feito à mão pela sobrinha de uma amiga querida e o mais legal é que não foi necessário fazer nenhum furo na porta. É só pendurar o fio com os enfeites que ele fica assim. Muito amor né? <3

SONY DSC

Ao entrar em casa, é possível encontrar Natal por todos os cantos mas é claro que o item principal é a árvore. Coloquei ela no cantinho entre a sala e a varanda, onde é possível vê-la de qualquer parte da sala ou da cozinha e ao mesmo tempo ela não atrapalha na circulação da casa. Igualzinha ao ano passado, os enfeites principais são as bolas e laços em tons de vermelho e dourado. E, conforme fui ganhando enfeites, fui acrescentando à decoração.

SONY DSC

SONY DSC

SONY DSC

Esta árvore tem 1,5m e usei dois fios de pisca pisca de 5m para a decoração. Minha dica aqui é: primeiro coloque as luzinhas e depois vá acrescentando os enfeites, para que o pisca-pisca fique quase invisível na árvore e só se destaquem os pendentes em meio às luzes 🙂

SONY DSC

Este cantinho na mesa lateral é mais que especial para mim. O sino é uma memória de família e uma das minhas melhores lembranças da infância. Quando eu era pequena e passava o Natal no sítio com a minha família, minha vó entregava este sino ao Papai Noel e eu, minha irmã e meus primos sabíamos que ele estava a caminho quando o sino começava a tocar. Aí começava aquela correria para esperar o Papai Noel na porta de casa.

Hoje já não tem mais Papai Noel e minha vó me deu para eu guardar este sino depois do Natal do ano passado. Espero um dia poder usá-lo no Natal com os meus filhos para que eles possam acreditar no espírito do bom velhinho tanto quanto eu.

SONY DSC

SONY DSC

SONY DSC

SONY DSC

E esta é a decoração da mesa da varanda. Encontrei esse caminho de mesa com motivos natalinos no supermercado e paguei ~ acredite se quiser ~ R$ 10. Para complementar, tinha este mini caixote que enchi com bolas decorativas e virou um centro de mesa bem rústico e personalizado.

SONY DSC

Espero que tenha gostado da decoração da Natal por aqui. Mais do que a decoração e a casa cheia de enfeites, é o espírito natalino que mais conta. Que as boas vibrações destes mês possa contagiar o ano de 2016 e que a gente seja mais alegre, paciente e generoso o ano todo, assim como somos no Natal 🙂

SONY DSC

    Faça você mesmo: quadro de fotos

     

    Há alguns meses, estava fuçando sobre decoração na internet ~ amo buscar ideias novas sobre casa, decoração e jardinagem ~ quando vi um quadro imitando varal para pendurar fotos. Foi amor à primeira vista e logo quis um desse para pendurar aqui também. Vi alguns vídeos e outros tutoriais e a ideia em si é super simples. Você vai precisar de:

    Uma moldura de quadro do tamanho (a minha tem 90 x 60cm) e cor de sua preferência
    Barbante, fio de nylon ou corda para varal (eu optei por corda de varal, pois é mais resistente)
    Mini pregadores de varal
    Fotos variadas

    O primeiro passo é encontrar a moldura desejada e pregar a corda de uma maneira reforçada à ela. Para não ter problemas, eu comprei a corda e pedi para a loja que fez a moldura prender a corda. A corda foi fixada com tachas por dentro da moldura para não afrouxar ou cair conforme o tempo.
    Eu escolhi a medida da moldura e quantas cordas seriam presas à ela: neste tamanho couberam 6 fios, com espaço de 10cm entre eles.

    Depois, imprimi minhas fotos favoritas. Escolhi paisagens e lugares que estive nos últimos anos e algumas das fotos que postei no meu Instagram e são muito especiais para mim.

    E a última etapa foi pregar as fotos na linha com um pregador. Encontrei pregadores coloridos em uma papelaria do bairro e paguei menos de R$ 10 no pacotinho com 100 unidades. Depois do trabalho feito, o quadro ficou assim:

    IMG_8782

    IMG_8787

    E o mais legal é que você pode trocar as fotos sempre que aparecerem novas, mudando a decoração do ambiente de acordo com o clima, estação ou seu humor rsrsrs…! Eu coloquei as fotos com algum espaço entre elas para que, quando aparecerem novos momentos, elas também caibam neste mural <3

    IMG_8784

    Esta é a visão geral do quadro que ficou pendurado na parede onde do sofá-cama, no meu quarto de hóspedes.

    IMG_8791

    E aí, o que você achou da ideia? Curtiu? Colocaria este quadro na sua casa? Conta aqui 🙂

     

      Faça você mesmo: a garrafa que vira abajur

       

      Sabe quando a gente encontra alguma coisa na internet e fica doido pra ter em casa? Então… foi exatamente assim que aconteceu. Vi a ideia de transformar garrafas bonitas em objetos de decoração e logo quis aproveitar para usar aqui em casa. Normalmente eu tenho um apego para jogar garrafas fora, então guardo bastante garrafas de vinho para usar em decoração de festa como vaso de flor. Mas, quando meu tio apareceu com essa garrafa de vodka, quis fazer algo diferente.

      Para fazer esta peça, você vai precisar de algumas habilidades – que eu não tenho – e um amigo super querido ajudou na causa e montou o abajur pra mim 🙂
      Veja o passo a passo para transformar uma garrafa de qualquer coisa em objeto de decoração em um cantinho mais divertido da casa.

      Esta é a garrafa que usamos para fazer o abajur:

      IMG_6454

      Precisei comprar também as peças para montar o abajur. Para facilitar o trabalho, comprei um abajur do modelo mais simples, com uma cúpula bem bonita para ficar mais simples a montagem e não me perder muito nas peças. Esse aqui eu paguei menos de R$ 40 na Tok Stok.

      IMG_6460

      O primeiro passo foi desmontar o abajur branco. Separar todas as peças e ir montando aos poucos, incluindo a garrafa na montagem. Foi feito um furo na tampa da garrafa para que os fios pudessem passar por dentro dela.

      DSCF0015

      DSCF0019

      A cúpula também foi retirada. Mas esta aqui será utilizada na parte final da montagem.

      DSCF0011

      Depois, é preciso passar o fio entre o conector, e a garrafa.

      DSCF0026

      E, para lacrar a parte de cima do abajur, é preciso apenas rosquear a tampa da garrafa e pronto.

      DSCF0028

      E, para passar o fio do outro lado, basta apenas fazer um furo por baixo da garrafa com uma broca e está quase pronto.

      DSCF0030

      O último passo é encaixar a cúpula na parte superior, colocar uma lâmpada e pronto! Meu amigo trocou o interruptor e o plug da tomada por um conjunto na cor laranja, o que deixou o abajur ainda mais charmoso <3

      DSCF0035

      DSCF0034

      Eu coloquei a peça pronta ao lado do bar, para dar destaque e um pouco mais de cor.

      IMG_7186

      O que você achou? Gostou do trabalho?
      Eu amei e confesso que me surpreendeu muito. Conta aqui pra gente o que você achou!

       

      P.s.: Odair, põe mais essa na conta! 😛

        Como esconder o ar condicionado

         

        Para quem tem ar condicionado no apartamento, sabe que é a melhor solução para os dias mais quentes. Mas, em apartamentos pequenos, é quase impossível encontrar uma área destinada exclusivamente à maquina externa do ar condicionado.

        Este era justamente o problema aqui em casa. A máquina do ar condicionado fica em um cantinho na varanda e não pode ser coberta ou abafada {quando o ar condicionado é ligado, esta máquina libera um ar super quente} pois a passagem deve ficar livre para a circulação de ar. Não era um grande problema mas esteticamente era bem feio, já que minha varanda, sala e cozinha são o mesmo ambiente.

        Depois de pesquisar soluções por aí, encontrei o que poderia resolver três problemas: deixar a circulação de ar livre, esconder esta máquina e ganhar um aparador de apoio na varanda. Veja a solução aqui:

        Antes

        IMG_6691

        IMG_6690

        Depois

        IMG_7042

        Meu pai – super engenheiro – criou um aparador ripado, para cobrir a máquina do ar condicionado e deixar o ambiente mais bonito. As ripas existem apenas em dois lados desta peça: na frente e ao lado direito da foto, que são os lados que realmente aparecem fora da parede. Os demais lados que são encostados na parede são livres, para a passagem de fios e melhor circulação.

        Com a peça ripada, o ar pode circular sem nenhum impedimento e, só é possível reparar que tem uma máquina aí atrás de você reparar bem na foto. E, para conservar melhor a peça, encomendei um tampo de vidro sob medida… assim é possível servir o café ou regar o vaso sem manchar a madeira.

        IMG_7048

        IMG_7043

        Com esta solução simples ganhei um novo cantinho do café e deixei aquele espaço em branco e feio com a máquina do ar e suas tubulações encobertas.
        O que você achou desta ideia? É possível aplicar em qualquer canto com este “problema” também 🙂

          27 coisas que aprendi morando sozinha

           

          27 de Agosto. Hoje é um dia doce, amargo, que carrega muita história e, acima de tudo, muito aprendizado. Fazem três anos que estou morando sozinha e este dia merece ser comemorado… parece que foi ontem que a vida virou de ponta cabeça e, ainda assim, uma eternidade para o tanto de transformações que aconteceram ao longo deste tempo.

          Portanto, para marcar este dia, listei aqui 27 coisas que aprendi morando sozinha:

          IMG_1109[1]

          1. Música serve para tudo: alegria, tristeza, faxina e cozinha;

          2. Nunca vá ao mercado sem uma lista de compras. Ou com fome;

          3. Mantenha sempre à mão o whatsapp do zelador;

          4. Tire cópias da chave de casa e deixe com o familiar ou amigo mais próximo;

          5. Existem comidas que estragam mesmo dentro da geladeira;

          6. Arrumar a cama deixa sim a casa com aparência mais organizada;

          7. É bom deixar a cama sem arrumar de vez em quando;

          8. Há uma plantação de cabelos escondida no chão do banheiro;

          9. Você acha normal conversar com a novela, com o filme e com o William Bonner;

          10. Se você tem cozinha americana, evite fritar comida a não ser que você queira conviver com o cheiro espalhado por alguns dias pela casa;

          11. Hoje eu entendo porque meu pai andava pela casa apagando as luzes;

          12. Comer miojo todo dia enjoa até você se cansar do mesmo tempero cheio de sódio e gosto artificial;

          13. Aí você começa a se arriscar na cozinha;

          14. As receitas dão muito errado até dar certo;

          15. É um prazer convidar os amigos para comer e beber em casa;

          16. Você não tem hora para tomar banho;

          17. Você não tem ninguém para te mimar quando estiver doente;

          18. A louça não vai sair da pia enquanto você mesmo não lavá-la;

          19. Você começa a vestir suas roupas de acordo com a programação da lavagem: três dias seguidos de peças brancas para aproveitar a máquina e otimizar a água e o sabão em pó;

          20. Você sabe qual a diferença entre alvejante, amaciante e desinfetante;

          21. Nasce um amor e cuidado pelas plantas e você passa a trocar as flores artificiais por naturais;

          22. Você passa a frequentar reuniões de condomínio e entender porque o sorteio de vaga de garagem é motivo pra tanta briga em um prédio;

          23. Você dá muito mais valor ao dinheiro e vira mão de vaca em diversos aspectos que antes você criticava;

          24. Vinho resolve quase todos os problemas;

          25. Às vezes o Netflix com pipoca é o melhor programa;

          26. Você é a sua melhor (e também a pior) companhia;

          27. Gastar com faxineira é o dinheiro mais bem empregado de uma casa.

          FullSizeRe1nder

          Que este seja só o começo de muitas lições e muita felicidade 🙂