Google Maps faz 15 anos

Aplicativo lança novo ícone e recursos em abas simples de usar

Google Maps faz 15 anos com novo visual e, por isso, hoje foi o dia de conhecer as novidades para este ano.

Em 2005, o Google decidiu mapear o mundo inteiro. De lá pra cá, as fronteiras do que um mapa é capaz de fazer foram ampliadas. O Maps ajudar a ir sem problemas do ponto A para o ponto B, explorar o planeta e até realizar tarefas.

Hoje, mais de um bilhão de pessoas usam o Google Maps para ver e conhecer o mundo. Para comemorar o 15º aniversário do Maps, Google anunciou uma série de novidades para os usuários do aplicativo.

a linha do tempo de google maps

A partir de hoje o aplicativo para Android e iOS ganha um novo visual. Ou seja, tudo o que o usuário precisa estará acessível em abas simples de usar: Explorar, Dia a Dia, Salvos, Contribuir e Novidades.

  • Explorar: quer achar um lugar próximo para almoçar ou ouvir música ao vivo? A aba Explorar traz informações, classificações e opiniões de usuários sobre 200 milhões de lugares no mundo todo.
  • Dia a Dia: com a aba Dia a Dia, o usuário tem certeza de que pegou o melhor caminho a fim de otimizar o trajeto. Marque seu percurso diário de casa para o trabalho. E receba informações em tempo real sobre o trânsito, a duração do percurso e sugestões de rotas alternativas.
  • Salvos: além disso, é possível encontrar e organizar os locais salvos numa única página. A aba Salvos permite ver as escolhas do próprio usuário, encontrar lugares, organizar uma viagem e até compartilhar recomendações de locais onde esteve.
  • Contribuir: nessa nova aba, dá para contribuir com conhecimentos sobre determinada região. Como detalhes sobre ruas e endereços, pontos que faltam no mapa, comentários sobre estabelecimentos comerciais e fotos.
  • Novidades: a aba oferece um feed de lugares imperdíveis ou que estão em alta. Ele é criado com base em informações de conhecedores da área ou de publicações respeitadas.

O visual do Google Maps foi repaginado, e apresenta um novo ícone

O novo símbolo foi inspirado numa peça fundamental do Google Maps, que existe desde o primeiro dia: o pin que mostra um lugar na tela. Assim, ele representa a transição ao longo da vida do Maps, entre apenas levar o usuário até um destino e ser um serviço completo, que ajuda a descobrir e conhecer lugares novos.

Recentemente, Google apresentou as previsões de horários de pico, que ajudam a saber se o ônibus, trem ou metrô vai estar cheio, com base em informações sobre viagens anteriores.

Em breve, para ajudar a planejar ainda melhor o horário, Google irá acrescentar novas informações sobre rotas a partir de dados de histórico de viagens. Em suma, são informações úteis fornecidas por quem já fez o percurso antes, e vão aparecer ao lado das rotas de transporte público disponíveis para determinado trecho. Com isso, em breve, será possível ver detalhes importantes, tais como: temperatura, acessibilidade, vagão feminino e segurança a bordo.
Os novos recursos serão lançados globalmente a partir de março.

Nos próximos meses, os usuários do Google Maps de Recife, Salvador, Guarulhos, Maceió, Aracaju e outras 55 cidades terão informações em tempo real dos horários de chegada e de partida dos ônibus municipais.

Além disso, detalhes sobre linhas, rotas, quantidade de paradas e tempo, os recursos de atualizações dinâmicas do Google Transit vão trazer os horários programados dos veículos, o que ajudará os passageiros a planejarem a viagem de maneira mais eficiente. Portanto, será possível saber ainda se um ônibus está adiantado ou atrasado em relação ao horário padrão.

Google maps faz 15 anos com novo visual, me conta o que você achou dessas novidades por aqui porque eu já estou adorando! 🙂

    Google Nest Mini

    O Google anunciou hoje a chegada ao Brasil do Google Nest Mini, a caixa de som inteligente com o Google Assistente integrado. O aparelho está a venda a partir de hoje por R$ 349,00, nos principais varejistas do país, em lojas físicas e online.

    Olhar digital

    O nome Google Nest Mini vem da junção da área de Casa Conectada do Google com a Nest, empresa de automação residencial adquirida pelo Google.

    Mesmo com um tamanho compacto ~ menos de 10 cm de diâmetro e 200 gramas de peso ~ o Nest Mini é capaz de oferecer uma experiência de som poderosa. Isso porque o Google aprimorou o software e o hardware do produto, possibilitando que os sons graves ficassem duas vezes mais fortes que na versão anterior, sem prejudicar os sons médios e agudos.

    Além disso, o Google Nest Mini também traz novidades pensadas para uma melhor experiência das pessoas. Uma delas é o suporte de parede, que ajuda a otimizar o espaço de mesas e prateleiras em casa. Outro avanço é a presença de luzes de LED na extremidade do Nest Mini, que se acendem quando a mão do usuário se aproxima do dispositivo, indicando onde tocar para ajustar o volume.

    O Google Nest Mini traz para dentro da casa dos brasileiros todos os benefícios do Google. Assistente, que funciona em português. Com ele, é possível saber os compromissos do dia, a tradução de uma expressão em outro idioma, se vai chover ou até mesmo criar lembretes para as tarefas.

    Com o Google Assistente integrado ao Nest Mini é possível, usando apenas a voz, assistir a um vídeo na TV, iniciar a limpeza da casa, assim como controlar luzes e ar-condicionado. Tudo isso porque o Nest Mini pode conversar com TVs, lâmpadas e plugues inteligentes, entre vários outros aparelhos.

    É possível ouvir músicas no Spotify, ter as principais notícias do dia em mais de 20 jornais e sites brasileiros, assistir ao Netflix na TV ou até mesmo aproveitar um momento em família ouvindo histórias infantis. Ele também
    permite conversas diretas com centenas de parceiros, como Rede Globo, Banco do Brasil, Cartoon Network, Galinha Pintadinha e Bradesco.

    O Nest Mini é fabricado de forma sustentável. A sua cobertura de tecido é
    fabricada a partir de garrafas pet 100% recicladas pós-consumo (PCR), ou seja, garrafas de plástico que já foram usadas e recicladas anteriormente.

    Para configurar e controlar o Nest Mini é preciso ter instalado o aplicativo do Google Home, disponível para Android e iOS.

    Casa.com.br
    Casa.com.br

    E aí, o que achou desta novidade? Conta aqui 🙂

      Google e a Casa Conectada

      Já pensou poder controlar os aparelhos eletrônicos da sua casa apenas com comandos de voz? Ok, Google. Agora este sonho se tornou uma realidade.

      Ontem fui conhecer a Casa Conectada, do Google. Através do Google Assistente ~ agora em português ~ é possível controlar dispositivos de áudio, vídeo, iluminação, climatização, cafeteiras e até carros.

      A partir de agora, o Google Assistente está também em caixas de som e TVs. Já existem à venda no Brasil mais de 30 dispositivos de cerca de 10 marcas com integração com o assistente virtual do Google.

      O “cérebro” por trás dessa mágica é o Google Assistente que, desde 2017 está disponível em celulares Android e iOS, e agora está oficialmente falando português em aparelhos como caixas de som inteligentes, que acabam de chegar às lojas brasileiras, com dois modelos oferecidos pela fabricante americana JBL, a Link 10 e a Link 20.

      As caixas da JBL se juntam a Android TVs de marcas como Sony e TCL, e outros dispositivos como a Hue, lâmpada inteligente da Philips, o Roomba 890, aspirador-robô da iRobot, e a DCS‑8000LH, câmera da D-Link, capazes de se conectar à internet e que agora podem contar com o Assistente como elemento de integração.

      No total, hoje é possível encontrar, no Brasil, 33 aparelhos de cerca de 10 empresas que fazem parte do ecossistema do Assistente, que é aberto e gratuito como o Android. Em breve, televisores da LG e da Samsung também terão integração com o Assistente.

      Isso significa que os brasileiros agora podem usar o “Ok, Google” para facilitar ainda mais o dia a dia, em casa: é possível ligar a TV, acender a luz, adicionar um alarme, ativar o aspirador, mandar um e-mail, colocar uma música e dar uma relaxada a noite ouvindo a playlist favorita, entre outras coisas. Outra opção é criar rotinas personalizadas como, por exemplo, “Ok, Google, hora da meditação” e com um só comando fazer a luz mudar de cor, acionar música ambiente e baixar a cortina.

      Também dá para programar horários pré-definidos para os aparelhos funcionarem ou controlar alguns deles à distância, usando o Assistente no celular.

      O aplicativo Google Home permite configurar, gerenciar e controlar mais de 10.000 dispositivos conectados em sua casa, em conjunto com o Assistente. Ele está disponível para Android e iOS.

      Foi incrível participar desta experiência e ver como será a tendência de casa integrada, sem controle remoto e apenas a um comando de voz para deixar tudo ainda mais prático e confortável.

      E aí, o que você achou desta novidade? Conta aqui! 🙂