Mousse de chocolate com casquinha crocante

 

Para os chocólatras de plantão: esta receita é para vocês. Testei há algumas semanas a novidade que chegou por aqui da Tupperware, a forma de silicone meia lua da marca que é super prática e versátil e pode ir do forno ao freezer.

Aproveitei a ideia de meia lua para fazer casquinhas de chocolate recheadas com mousse cremoso e o resultado ficou maravilhoso! Além de ser super fácil, é uma ótima pedida para servir de sobremesa acompanhado por uma bola de sorvete. Veja o passo a passo para testar e aproveitar por aí:

Ingredientes:
Mousse
3 ovos
3 colheres de sopa de açúcar
1 lata de creme de leite
300 gramas de chocolate meio amargo

Casquinha
500g de chocolate ao leite

Modo de fazer:
Primeiro, prepare a casquinha. Derreta 400g do chocolate no micro-ondas e ‘forre’ a forma, deixando um buraco no meio (estilo casquinha de ovo de páscoa). Leve ao freezer por aproximadamente 30 minutos.

Enquanto isso, prepare o mousse. Separe as claras das gemas, bata as claras em neve com um pitada de sal na batedeira até as claras ficarem firmes. Reserve as claras.

Bata as gemas até que elas dobrem de tamanho, acrescente o açúcar, bata e depois reserve.

Em uma tigela de tamanho médio derreta o chocolate no microondas e, após derretido acrescente o creme de leite e mexa até ficar uma massa uniforme. Junte o chocolate com as gemas e o açúcar e depois que ficar homogêneo, adicione as claras e misture até ficar uniforme.

Retire do freezer a forma de silicone e distribua o mousse entre os espaços.

Por fim, derreta os 100g restantes do chocolate para cobrir o mousse, de maneira uniforme e com a superfície reta. Leve ao freezer por mais 30 minutos ou até que o chocolate endureça por completo.

Depois, é só desenformar e servir com uma bola de sorvete. Olha o resultado:

E aí, o que achou da receita?
Conta aqui 🙂

    Mousse, o retorno.

    Não. Ainda não estou satisfeita com a minha performance culinária. Ok, não esperava que eu fosse me tornar uma cozinheira espetacular em pouco mais de um mês, mas cheguei a pensar que os resultados fossem melhores.

    Este último mês foi repleto de pão de queijo pré-aquecido, restos de pizza congelada e macarrão instantâneo. Confesso que não tive muito tempo para me dedicar também, mas para os amantes da culinária isso nunca é uma desculpa. Então, decidida a me tornar uma pessoa melhor, resolvi ir pra cozinha e repetir a receita do mousse de maracujá, só que dessa vez melhor.

    Uma amiga havia me falado que para dar uma incrementada nessa sobremesa, ficaria legal forrar a parte de baixo do recipiente do mousse com ganache de chocolate. Como não existe simplicidade no meu vocabulário culinário, fui buscar duas metas simultâneas: conseguir fazer o ganache E melhorar o mousse (lembram que da última vez não ficou aquela maravilha? Então…).

    Mas como infelizmente eu nasci com uma falha de coordenação motora, a receita já começou com um acidente de trabalho quando, ao abrir o pacote de chocolate, ele praticamente explodiu e saiu voando pó para tudo o quanto é lado. E foi assim que fiquei quase uns dois minutos sem enxergar.

    Desastres a parte, mexi o chocolate em pó com creme de leite e açúcar, coloquei no microondas e forrei a travessa. A aparência e o cheiro já estavam ótimos. Aí depois eu fiz o mousse de maracujá – dessa vez só uma medida de suco para cada medida de leite condensado e creme de leite. Hoje foi a estréia em alto estilo do meu liquidificador, que deixou o mousse com uma consistência ótima. Então juntei o mousse ao ganache, que ficaram na geladeira por mais ou menos uma hora.

    Aleluia: a receita deu certo! Praticamente um milagre da evolução culinária da minha espécie. Nível de dificuldade da receita: -1, porém saber abrir as latas sozinha é um ponto importante a ser considerado.

    Recomendo esta receita. Fácil, rápida e super simples. Tenho certeza que tem muita gente orgulhosa de mim. Detalhe: namorido adorou!

    Lição do dia: o segredo do sucesso é não usar o fogão!

      E o mousse deu certo?

      Sim, por incrível que pareça no final de tudo a receita deu certo. Quer dizer, em termos. Depois de recusar a ajuda da minha irmã (queria provar que iria conseguir fazer tudo sozinha), abri as latas de creme de leite e leite condensado e despejei os respectivos conteúdos dentro do liquidificador. Segundo a receita, a quantidade de suco de maracujá era a mesma de uma lata de leite condensado. Despejei a quantidade do suco dentro da lata, mas não sei porque achei que o que estava no liquidificador era pouco suco.

      E lá se foi mais meia lata de suco de maracujá (detalhe: concentrado). Enquanto o aparelho ficou mexendo os ingredientes, me bateu aquele questionamento e consequente arrependimento de ter colocado aquela quantidade extra de suco. Justo eu que não gosto de sabores azedos. Porque quis fazer diferente justo na minha primeira receita? Aquela barulheira e minha irmã já sacou a minha mudança de expressão e falou “já fez besteira né?”. Claro que não ia admitir o erro logo de cara “tá ficando lindo isso aqui, você vai ver como consigo fazer sozinha”.

      Depois de terminar de bater o doce, já tinha a solução e a saída em mente para aquela mudança no sabor: namorido adora sobremesas mais azedinhas. Pronto, doce feito especialmente para o meu amor. E não é que ele adorou? “Não ficou enjoativo nem muito doce, ficou muito bom. Parabéns”. Nem acreditei como deu certo aquela mudança na receita, aquela loucura que eu fiz.

      Pra falar a verdade, o mousse acabou no mesmo dia, na sobremesa depois do churrasco. Pessoal comeu muito e ainda repetiu. Ouvi muitos elogios e fiquei 50% feliz. Os outros 50% de frustração aconteceram porque eu mesma não comi o mousse, tava muito azedo. Vou ter que melhorar pro meu gosto na próxima vez. Como alguém faz uma receita e não gosta do que faz? Pelo menos acho que para a primeira receita, passei na média. Preciso treinar para melhorar os outros próximos pratos.

      Lição do dia: siga sempre o que está escrito na receita.

        Vamos para a cozinha animar o feriado!

        E nesta tarde chuvosa, véspera de feriado, resolvi fazer uma boa ação e compartilhar com vocês a minha receita de doce favorita. Não, eu nunca fiz, só experimento sempre de todas as pessoas que sempre fazem esse prato pra mim. E neste caso, quem escreveu é uma das melhores cozinheiras que eu conheço, tenho certeza de que a receita vai dar certo e o sabor irá ficar maravilhoso – acreditem! Se acrescentarem o toque especial do final da receita, ela fica bem diferente e “chique” – segredinho de culinária…

        San querida, obrigada pelo presente! É um livro de receitas maravilhoso. Aos poucos irei tentando reproduzir os capítulos de receitas e postar os resultados do sucesso (ou fracasso! rsrs). Vou começar pelo mais fácil e mais gostoso, que cai como uma luva para o tempinho de feriado em que ficamos sem assunto, passeando na cozinha e visitando a geladeira.

        Vou testar amanhã no sítio e colocarei aqui as impressões, as dificuldades e os resultados. Acho que assim irei ganhando confiança e credibilidade dos leitores. Aproveitem a receita.Vou tentar fazer sem supervisão!!

        Mousse de maracujá da San