Ferramentas de jardinagem para suas plantas

Para deixar seu jardim mais bonito

Hoje é dia de vídeo novo no Youtube da Caubi e, dessa vez, vou compartilhar por aqui as minhas ferramentas de jardinagem para as plantas da minha casa. São 4 ferramentas que considero essenciais para deixar meu jardim bonito e saudável. Afinal, quanto mais a gente cuida, mais bonito ele fica né?

Então, vem conferir as ferramentas que uso por aqui para deixar a manutenção das minhas plantas sempre em dia.

Ferramentas de jardinagem para suas plantas

As ferramentas de jardinagem para minhas plantas

: esta ferramenta é essencial para o plantio. Serve para cavar e abrir espaço para as plantas no solo. Aliás, a pá também serve para transportar e remover terra para dentro do vaso.

Rastelo: serve para limpar e nivelar o solo. O rastelo ajuda a tirar folhas indesejadas do solo ou torrões de terra e até mesmo sujeiras. Ou seja, o rastelo pode ser usado tanto na formação do jardim quanto na preparação da terra e na manutenção do jardim.

Tesoura ou canivete de poda: estas duas ferramentas me ajudam na manutenção do jardim e tanto a tesoura quanto o canivete são bastante utilizados. Primeiramente, o canivete me ajuda nos vasos menores. É muito mais fácil podar folhagens que não estão saudáveis, cortar matinhos ou até mesmo galhos mais feios.
Já a tesoura, é essencial para cortar galhos maiores e caules que o canivete não consegue cortar. Por exemplo, galhos de astromélias que compro no mercado e monto os arranjos para decorar os vasos por aqui.

Regador: esta é a ferramenta essencial para molhar as plantinhas. Por aqui, aliás, tenho em três tamanhos diferentes, para ajudar o fluxo de água para cada tamanho de vaso.

Ferramentas de jardinagem para suas plantas
minhas Ferramentas

E então, vem pro Youtube da Caubi! Clica aqui e confira todos os detalhes das ferramentas de jardinagem para ter em casa:

E não deixe de me contar o que achou porque sua opinião é muito importante para o blog. Vem! 🙂

    Canção do Exílio

    “Minha terra tem palmeiras,
    Onde canta o Sabiá;
    As aves, que aqui gorjeiam,
    Não gorjeiam como lá.

    Nosso céu tem mais estrelas,
    Nossas várzeas têm mais flores,
    Nossos bosques têm mais vida,
    Nossa vida mais amores.

    Em cismar, sozinho à noite,
    Mais prazer eu encontro lá;
    Minha terra tem palmeiras,
    Onde canta o Sabiá.

    Minha terra tem primores,
    Que tais não encontro eu cá;
    Em cismar – sozinho à noite –
    Mais prazer eu encontro lá;
    Minha terra tem palmeiras,
    Onde canta o Sabiá.

    Não permita Deus que eu morra,
    Sem que eu volte para lá;
    Sem que disfrute os primores
    Que não encontro por cá;
    Sem qu’inda aviste as palmeiras,
    Onde canta o Sabiá.” Gonçalves Dias

    SONY DSC

    SONY DSC

    SONY DSC

    SONY DSC

    SONY DSC

    SONY DSC

    SONY DSC

    … porque de vez em quando, todos nós precisamos de um exílio pra esquecer do mundo, descansar e recarregar as energias. Este é  meu exílio e meu paraíso: a 420 km de São Paulo, na cidade de Monte Azul Paulista.

    Boa semana a todos nós!

     301 total views,  2 views today