Vídeo novo: carriola de flores

 

Que tal começar a semana com uma inspiração de ‘faça você mesmo’ super simples, prática e que vai deixar seu quintal e sua casa super charmosos?

Aproveitei a obra que está rolando no sítio e transformei uma carriola de carregar cimento em um jardim de suculentas. Este foi o resultado:

Acompanhe o passo a passo desta transformação no vídeo de hoje. Aperte o play e confira:

E aí, o que achou do resultado?
Conta aqui 🙂

    Casa da Chris e Tupperware: brunch de primavera

     

    A primavera está chegando por aqui!
    Ontem tive o prazer em conhecer a Casa da Chris ~ aquela blogueira super fofa que fazia projetos manuais no programa Decora da GNT, lembra? ~ a convite da Tupperware para conhecer a coleção nova da marca e ainda pegar algumas dicas para receber em casa e comemorar a estação.

    E o evento foi simplesmente a cara do blog! Muitas flores, muitos detalhes, muitas relíquias da vovó e é claro muita comidinha.

    A Chris tem um estilo bem parecido com o meu: gosta de misturar cores e texturas no mesmo ambiente para dar aquele clima de aconchego e receptividade. Outra dica interessante que ela deu: misturar também as alturas dos objetos para que a composição deles promova um conforto aos convidados. Se você reparar apesar da diferença entre as peças, elas estão divididas entre si de maneira proporcional para agradar quem estiver no ambiente.

    O contraste de cores também é evidente. Em mesas escuras, as peças de composição e as comidas são mais claras, assim como na toalha branca os objetos são um pouco mais escuros formando ambientes que conversam entre si e ao mesmo tempo são completamente diferentes.

    A Chris também escolheu utilizar as mesas da casa como estações para os convidados: mesa do café para nos recepcionar, a mesa dos doces e outra mesa para os salgados. O interessante é que doces e salgados são servidos ao mesmo tempo, para que o convidado possa escolher o momento de comer cada um deles e ficar ainda mais à vontade na recepção.

    E entre tantas dicas, pudemos conhecer a coleção de primavera da Tupperware, com temas de pássaros e flores. Agora é possível montar uma mesa misturando os elementos de plástico, vidro e cristal em perfeita harmonia.

    E aí, o que achou das novidades da Tupperware? 🙂
    Algo me diz que a primavera trará muitas coisas boas por aí, aguardem…

      A torta de flores da Bru

       

      Semana passada comemoramos por aqui os cinco anos de existência do blog cheio de amigos, alegria, boas vibrações e muita comida boa! Desafiei os convidados da festa a trazer uma receita que seria a especialidade de cada um – poderia ser doce ou salgado – e o resultado foi surpreendente! Todo mundo inovou e caprichou nos pratos… tudo feito com muito carinho.

      Em um cantinho da festa deixamos separados três potinhos para que os convidados pudessem votar e escolher qual seria a melhor receita salgada, a melhor receita doce e a melhor receita da festa. E, depois de uma disputa super apertada, a melhor receita eleita foi a torta de flores da Bru Calderon, que fez uma obra de arte para os olhos e para o coração. E é claro que eu não poderia deixar de pedir pra postar aqui. Veja como fazer esta sobremesa linda; o resultado vai deixar seus convidados maravilhados, confira.

      Ingredientes:
      2 xícaras de trigo
      1 colher de sopa de açúcar
      100 gramas de manteiga sem sal
      1 ovo
      2 colheres de sopa de leite
      Sal
      1 caixinha de morangos
      1 potinho de iogurte grego sabor frutas vermelhas
      1 potinho de iogurte grego sabor tradicional
      50 g de creme de leite
      1/2 colher de mel
      Flores comestíveis

      Modo de fazer:
      Misture o trigo com o açúcar e uma pitadinha de sal. Adicione a manteiga cortada em cubinhos, o ovo e o leite. Misture tudo muito bem até que tenha formado uma massa homogênea.

      Abra a massa em uma forma com fundo removível e vá apertando bem para que preencha toda a forma. Fure a massa com um garfo e leve ao forno pré aquecido a 220º por aproximadamente 30 minutos, ou até que esteja dourada.

      Enquanto isso, prepare o recheio. Misture os iogurtes com o creme de leite, o mel e misture bem para dar consistência.

      Quando sua massa estiver pronta, retire do forno, deixe esfriar e despeje o recheio pela torta toda.

      Agora é só usar a criatividade enfeitando sua torta com o que você tiver disponível, morangos, cerejas, mirtilos, flores, enfim, fique a vontade para criar sua própria decoração!

      Leve à geladeira para endurecer e pronto!

      Dica da Bru: “Essa é uma opção rápida e prática para preparar uma sobremesa especial quando não se tem muito tempo! Abuse das frutas e flores para decoração ficar especial! Eu utilizei pétalas de Amor Perfeito, mas você pode utilizar também flores de mel ou flores de manjericão, todas essas são mais fáceis de achar em lojas especializadas em plantas, que vendem adubo, arvores e flores!”

      E aí, o que acharam desta receita?
      Tem como não amar? 🙂

        A necessidade faz a criatividade

        Depois do caso de sucesso da jabuticaba, que está resistindo bravamente ao sol, frio, chuva, vento e aos meus cuidados, minha família está apostando todas as fichas na minha habilidade de cuidar de plantas. O grande problema, é que estou com tanta planta para uma área de casa tão pequena que tive que improvisar vasos e cachepôs para alocar todas as plantinhas. E, sinceramente, elas são todas lindas demais para eu recusar.

        Saí abrindo todos os armários de casa procurando o que poderia servir como vaso. Meus baldes são grandes demais e todos os tupperwars são quadrados – iria ficar bem esquisito. Foi quando tive a ideia de colocar em canecas e xícaras as flores menores. E não é que ficou muito fofo? Eu misturei junto com os vasos coloridos e achei que ficou bem legal! Deu um toque diferente e bem divertido à decoração da casa.

        Problema do vaso resolvido, tive outro desafio pra enfrentar: onde colocar tantos vasos nesse apartamento super pequeno? Na varanda venta muito, a mesa da sala de jantar é mesa de trabalho de biscuit durante quase toda a semana, nos banheiros não tem sol o suficiente e a pia da cozinha já está cheia de eletrodomésticos. Não tive outra opção: aloquei metade dos vasos na área de serviço e a outra metade no balcão da cozinha americana. Confesso que o primeiro lugar não é o cenário mais bonito (entre roupa suja, produtos de limpeza, rodos e vassouras) mas era a melhor das opções que eu tinha (cheguei a pensar no parapeito na janela do quarto, mas a chance de ter um acidente e cair um vaso na cabeça de um pedestre era grande…), além disso as plantinhas na janela da lavanderia deram um charme ao ambiente.

        Deixei os vasos maiores e com temperos na lavanderia e os menores – incluindo a xícara de café – no balcão, o que deixou a decoração mais delicada.
        E aí, o que acharam do improviso?

        SONY DSC

        SONY DSC

        DSC01409

        DSC01408

        Lição do dia: tem dias que a gente tem que fazer a limonada do limão, e muitas vezes sem açúcar mesmo.

          Flores para Santo Antônio

          Quem não AMA ganhar flores?

          A semana passada enfrentei uma montanha de problemas, várias soluções (ufa!), reuniões e projetos pessoais e profissionais. E, ao chegar morta e cansada em casa, recebo minha visita querida com um buquê de flores. Não poderia terminar a minha semana mais feliz \o/

          Mas quem ficou mais feliz foi meu querido Santo Antônio… afinal, nunca é demais fazer uma gracinha para um Santo tão importante em nossas vidas né? E justamente para este, que eu peguei no casamento de uma amiga querida – sempre que possível faço um agrado.

          Flores alegram nosso lar, nossas vidas e nos mostram através de sua beleza e exuberância de que existe algo maior do que nós, que não foi feito por nós e que devemos cuidar delas e cultivar para que elas continuem florescendo, crescendo e alegrando o ambiente….

          Lição do dia: não há nada melhor para alegrar o dia do que uma demonstração de carinho. Você já fez isso hoje?

          SONY DSC

          SONY DSC

          Nota de falecimento: infelizmente as flores não resistiram à minha ausência no feriado. Depois de passar três dias fora, ao chegar em casa, me deparei com as flores desbotadas, murchas e os cabos com mofo, teia de aranha ou algo do gênero que me pudesse chegar à conclusão de que elas tinham morrido 🙁  Não tirei fotos pois as mães e vós não aguentariam ver cenas tão fortes. Melhor deixar a lembrança boa mesmo!