Perfeitamente imperfeita

 

Hoje tive o prazer em conhecer mais de perto um pouquinho mais sobre o projeto Fruta Imperfeita e recebi minha primeira entrega aqui em casa super fresca, saudável e colorida.

Trata-se de uma assinatura ~ quinzenal ou semanal ~ de cestas com um mix de frutas,  legumes e verduras de pequenos produtores que nem sempre tem a oportunidade de ir para o supermercado pois não são ‘esteticamente perfeitas’.

A ideia da Fruta Imperfeita é conectar as pessoas que estão cansadas dos atuais padrões de beleza, comportamento, consumo e estilo, onde a imagem da perfeição é colocada em um pedestal, que se traduz por status, sucesso e prestígio. E empresa acredita que a quebra desses padrões abre novas possibilidades e nos prepara para encontrar um novo ~ e próprio ~ caminho, mostrando que o ‘ser’ é mais valioso que o ‘ter’.

Com isso, a Fruta Imperfeita quer combater o desperdício e ajudar na conscientização das pessoas para evitar o desperdício de alimentos e incentivar o pequeno produtor.

O mais bacana deste projeto é que toda semana é um mix diferente e surpresa: você escolhe apenas o que não quer receber e a caixa chega no seu endereço com até 14 variedades de frutas, legumes e verduras diferentes. As assinaturas têm tamanhos e valores variados, com cestas a partir de R$ 17 (assinatura semanal mista PP, de 3kg de alimento).

Além disso, a cada nova entrega é possível devolver a caixa da entrega anterior, ajudando na redução de geração de lixo.

Por enquanto o serviço está disponível apenas em algumas regiões da cidade de São Paulo; vale a pena acessar o site aqui e conferir se a entrega está disponível para você. Comparei os valores de alguns produtos e cheguei à conclusão de que vale muito a pena incentivar o consumo consciente e o pequeno produtor, criar novas receitas e ainda receber os produtos frescos sem sair de casa. Vale a pena conferir este trabalho!

    Cuscuz marroquino

     

    Para continuar no cardápio de Natal, vou mostrar aqui mais uma semana da comemoração de Natal da LG, que nos presenteou com receitas fáceis, práticas e deliciosas elaboradas pela Camila Masullo, do blog Sal de Flor. Desta vez, o cuscuz marroquino se mostrou como uma opção de acompanhamento prática e deliciosa! Assim, é possível surpreender os convidados e fugir da tradicional farofa com uva passa rsrsrs…

    Veja como fazer.

    Ingredientes:
    1 embalagem de cuscuz (500g)
    250g de bacon em fatias
    10 unidades de damasco
    2 cebolas roxas picadas em cubo
    1 alho poró picado
    3 colheres de sopa de manteiga
    500ml de água
    ½ xícara de castanha do pará
    2 colheres de sopa de azeite
    1/3 de xícara de cheiro verde

    Modo de fazer:
    Coloque as fatias de bacon entre duas folhas de papel toalha e leve ao micro-ondas por 6 a 7 minutos. Reserve.

    Aqueça a água por 3 minutos no micro-ondas. Regue o cuscuz com a água aos poucos e vá mexendo com um garfo para soltá-lo. Tempere com sal, pimenta do reino e azeite. Cubra-o com um pano e deixe descansando por cerca de 2 minutos.

    Em uma tigela misture a cebola, o alho poró e a manteiga e refogue no micro-ondas por 4 minutos. Reserve.

    Leve o cuscuz ao micro-ondas por 2 minutos. Quando tiver completado o primeiro minuto, mexa delicadamente com um garfo. Retire e junte todos os ingredientes: o bacon picado com as mãos, a castanha, o cheiro verde e o refogado de cebola e damasco.

    Depois de tudo misturado, está pronto para ser servido.

    E aí, o que achou desta opção para a sua ceia de final de ano?
    Conta aqui 🙂

      Pitadas da Rita Lobo: picanha assada com sal grosso

       

      E essa semana começa super bem com uma receita da Rita Lobo. Ganhei este livro no ano passado e confesso que é um dos meus favoritos. O jeito simples e fácil de explicar até as receitas mais complicadas torna o “Pitadas da Rita” um livro que precisa estar sempre à mão para quem quer testar coisa nova.

      Dessa vez, eu fiz a receita da página 196: picanha assada com sal grosso. Para quem ama churrasco vai adorar essa alternativa à churrasqueira; bem rápido de fazer, fica deliciosa. Veja aqui como fazer para colocar na sua agenda de receitas da semana.

      IMG_2520

      Ingredientes (para 6 pessoas):
      1 peça de picanha de até 1,2kg
      4 claras
      1kg de sal grosso
      1/2 xícara de chá de farinha de trigo
      Ramos de tomilho a gosto

      Modo de fazer:
      Preaqueça o forno a 220 graus.

      Numa tigela, coloque as claras, o sal grosso, a farinha e misture rapidamente com uma colher.

      Numa assadeira, coloque 1/3 da mistura de sal grosso e espalhe com as mãos até obter uma camada do tamanho da carne. Disponha o tomilho sobre o sal grosso e coloque a picanha sobre essa camada, com a gordura virada para cima. Despeje o restante do sal sobre a carne e espalhe, para que envolva a picanha uniformemente e pressione para que fique bem firme.

      Leve a picanha ao forno, baixe a temperatura para 200 graus e deixe assar por 40 minutos para servir a carne malpassada; 1 hora e a carne fica ao ponto; se quiser bem passada precisa deixar assar por 1 hora e 20 minutos.

      A camada de sal grosso depois de assada torna-se uma placa bem dura e levemente dourada. Com o auxílio de uma faca, retire a placa e raspe o excesso de sal da carne.

      Coloque a carne numa tábua e corte fatias bem finas. Se quiser, coloque a placa de sal grosso novamente sobre a carne fatiada e sirva a seguir com mais ramos de tomilho para decorar. Tempere com pimenta-do-reino moída na hora e sirva em seguida.

      IMG_2530

      E aí, curtiu essa receita? Já fez por aí? Conta pra gente! 🙂

        Receita do dia: carne assada com cerveja

        Final de semana está chegando e você está sem ideia do que fazer para impressionar a família? Você não é craque na cozinha mas quer fazer algo diferente do arroz e feijão de sempre? Veja a receita que a San preparou esta semana, que irá atender a todos os requisitos que você procura: rápida, fácil, barata e deliciosa! Testada e aprovada aqui em casa, que tal testar na sua casa também?

        Ingredientes:
        1 embalagem de knorr meu assado sabor caseiro
        800g de alcatra em um pedaço só
        400g de batata cortada em rodelas grossas
        4 colheres de sopa de cerveja preta

        SONY DSC

        Modo de fazer:
        Preaqueça o forno em temperatura média (180ºC). Retire o saquinho plástico da embalagem, com cuidado para não rasgar. Abra e separe o lacre.

        SONY DSC

        Apoie o saquinho sobre uma assadeira e acomode a peça de alcatra. Junte a batata e a cerveja. Adicione metade do tempero e espalhe sobre todos os ingredientes; repita a operação do outro lado da peça de carne com o restante do tempero.

        SONY DSC

        SONY DSC

        Feche o saquinho com o lacre.

        SONY DSC

        Leve ao forno  por uma hora e 15 minutos. Retire do forno e corte o saquinho, tendo cuidado para não se queimar com o vapor. Passe para uma travessa, fatie a carne e está pronto para servir. Dicas importantes da San: evite colocar o saquinho próximo às paredes do forno, pois ele pode romper. Não utilize em temperatura alta, apenas em temperatura média ou baixa (de 160ºC a 180ºC). Não utilize em microondas este saquinho.

        SONY DSC

        E a mesa pronta para impressionar!

        SONY DSC

        SONY DSC

        Muito fácil de fazer, a carne fica no ponto. Bem saborosa e macia! Aqui a San fez arroz branco para acompanhar mas as combinações ficam ao seu gosto 🙂

        Que tal? Conta pra gente o que achou!

          Encontro com a Rita Lobo

          Esta semana foi o tão aguardando lançamento do novo livro da Rita Lobo, o Pitadas da Rita. Para conseguir o livro antes da pré-venda, participei de uma promoção no Morumbi Shopping em São Paulo, em que os cupons fiscais de restaurantes valiam pontos para a troca do livro. Recrutei a família toda e consegui um para mim e outro para a minha irmã. 🙂

          IMG_6512

          Para quem conseguiu adquirir o livro, no dia 29 de abril ocorreu uma sessão de autógrafos com a Rita, o que já nos deixou muito animada. O que era bom ficou ainda melhor quando participei de uma promoção no Instagram do Panelinha e conseguimos acesso VIP a um coquetel e bate papo com a Rita, antes da sessão.  E foi incrível!

          Além de ainda mais linda pessoalmente, Rita Lobo é simpática e muito acessível. Autografou os livros de todos que estavam presentes com o maior carinho e conversou bastante com todos nós. Foi um encontro delicioso!

          IMG_6516

          IMG_6493

          E aqui, a foto oficial, divulgada no blog da Rita Lobo e no Facebook do Panelinha, com todos os participantes da promoção, no coquetel VIP:

          10001526_768559463156507_3432625165183097661_n

          E, além do bate papo, foram servidas algumas receitas dos livros da Rita para os convidados. Entre elas, polenta com cogumelo em petit casserole. Estava uma delícia.

          IMG_6509

          Meu livro (lindo!) autografado. Contei para a Rita um pouquinho sobre o blog e que tinha acabado de me mudar. Ela gostou da história e escreveu sobre isso para mim. Amei!!

          IMG_6508

          É muito legal conhecer alguém que você admira tanto pessoalmente. E mais incrível ainda é se surpreender quando isso acontece e esta pessoa ser ainda mais do que a gente imagina (ou vê na tevê!). Rita Lobo é como a gente vê na tevê e lê nos livros.

          Se você também gosta da Rita, assim como eu e a San, qual receita dela gostaria de ver por aí? Manda pra gente que queremos fazer e compartilhar com vocês esse jeitinho Panelinha de ser também! 🙂
          Participe!