Testado e aprovado: LG K10

 

Há algumas semanas, recebi em casa para testar o novo celular da LG: o K10. E me apaixonei assim que tirei o telefone da caixinha. A tela touch screen é super grande, com display de 5,3” HD e bem didático para mexer. Eu não conhecia o sistema Android e, mesmo assim, achei super fácil para encontrar todas as funções e aplicativos.

IMG_6415

O K10 é 4G e possui TV e 16GB de memória (expansível até 32GB). O design dele é todo diferente e ele está disponível em três cores ~ branco, dourado e indigo ~ mas o mais legal desse celular sem dúvida é o recurso de fotos: 13MP de câmera frontal e 8MP de câmera de selfie, com flash.

Pra ter uma ideia da resolução da câmera, dê uma olhada nas fotos que eu tirei com o K10 e postei no Instagram do blog (segue lá: @casadacaubi) ao longo dessas semanas:

IMG_6418

IMG_6453

20160503_184419

A resolução é impressionante e o foco dos objetos da foto pode ser ajustado na própria tela touch screen.

20160502_222511

Além de flash, a câmera de selfie possui a função ‘quick selfie’, que tira fotos sozinha através do movimento de abrir/fechar a mão na contagem de 3 segundos… outras coisas legais: a câmera também dispara ao falar “xis” e é possível programar o timer das fotos, sem precisar ficar se preocupando com a posição das fotos… dá pra caber todo mundo da selfie e ainda sair bonito 😛

20160510_200600

Essa foto aqui embaixo, o celular tirou a selfie programada. Coloquei ele apoiado no armário, com a programação de 10 segundos. Deu tempo para me arrumar e enquadrar a foto direitinho… acabou o problema de não ter ninguém para tirar uma foto bonita sua quando estiver sozinho…

20160510_201327

Valor: fiz uma pesquisa pela internet e é possível encontrar o aparelho a partir de R$ 861. Ótimo custo x benefício para um aparelho recheado de novos recursos.

E aí? Alguém por aqui tem este celular? O que acha dele? Conta pra gente 🙂
Para mais informações, clique aqui.

    Paulista de sotaque e raízes caipiras. Aquariana, corinthiana, administradora, eterna romântica e dona de casa amante de panos de prato, potinhos e canecas. Um pouco fotógrafa, aprendiz de escritora, cozinheira em evolução e sempre otimista. Dramática e criativa, atravessando os 30 com histórias [quase] normais.

    Deixe um comentário

    O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

    *
    *