Casillero del Diablo e o Halloween do Devilish Release Cabernet Sauvignon

 

Semana passada ~ a convite da Casillero del Diablo ~ fui a uma festa de Halloween, ou melhor, HalloWINE no espaço Tastemade para conhecer o lançamento do vinho Devilish Release Cabernet Sauvignon, edição especial e comemorativa da tão amada marca de vinhos Concha y Toro. A festa foi simplesmente incrível: toda decorada em tons de vermelho e ao som de muito rock, foi possível entrar no clima desta edição do vinho, com safra de 2016.

A lendária marca de vinho acaba de lançar uma edição limitada do Reserva Cabernet Sauvignon em comemoração ao Halloween. Batizado de Devilish Release, o conteúdo da garrafa é o mesmo do rótulo tradicional. A grande novidade fica por conta da embalagem diferenciada, que remete ao tema do Dia das Bruxas.

A edição limitada Devilish Release já está disponível no e-commerce da marca e pode ser adquirido pelo site, clicando aqui. Também está à venda nas principais lojas do Espírito Santo, Goiás, Minas Gerais, Paraná, Rio Grande do Sul, Rio de Janeiro, Santa Catarina e São Paulo. O preço sugerido é R$ 48,00.

Para quem não conhece a marca, Casillero del Diablo é uma marca da vinícola Concha y Toro e sua história faz alusão à lendária adega, que existe na sede da vinícola no Chile e boatos espalhados pelo seu fundador, Don Melchor, para tentar evitar que seus melhores vinhos fossem roubados. Em 1933, o empresário espalhou a informação de que o próprio diabo vivia dentro da adega, assombrando o local e quem tentasse levar uma de suas garrafas. A notícia se popularizou e, em pouco tempo, ninguém mais se atrevia a tirar um vinho de lá.
Casillero, em espanhol, corresponde ao local em que são guardados os melhores vinhos da adega. A lenda nasceu em 1933 e hoje é reconhecida em todo mundo.

Eu experimentei este Cabernet Sauvignon e super recomendo. É delicioso, assim como todos os vinhos da marca. E a garrafa desta edição especial é tão bonita que vale a pena guardar para decorar a casa depois.

E aí, o que achou deste lançamento?
Conta aqui 🙂

    Paulista de sotaque e raízes caipiras. Aquariana, corinthiana, administradora, eterna romântica e dona de casa amante de panos de prato, potinhos e canecas. Um pouco fotógrafa, aprendiz de escritora, cozinheira em evolução e sempre otimista. Dramática e criativa, acabou de chegar aos 30 com histórias [quase] normais.

    Deixe um comentário

    O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

    *
    *