Arraiá em casa: como organizar uma festa junina barata e colorida

 

E chegou a época do ano que a gente tanto ama: os arraiás! Por aqui, organizar festa junina já virou tradição de família. Há cinco anos, minha família se reúne na casa do meu tio na praia para um final de semana super animado cheio de comidas típicas, brincadeiras e muita diversão.

Este ano não foi diferente: nos reunimos, cada membro da família levou seu prato, sua prenda e o clima esquentou! Veja abaixo algumas das delícias típicas que preparamos por lá e se inspire para organizar a sua festa!

Com uma mesa de doces juninos, foi difícil resistir a tantas delícias: doce de leite no potinho com chapéu caipira, brigadeiro de chocolate a paçoca (a receita do brigadeiro de paçoca você encontra clicando aqui) e arroz doce ~ também tem receita no blog.

E a decoração foi uma atração à parte: uma mistura de cores e detalhes que deixou tudo ainda mais charmoso. Com uma toalha de chita, foi fácil alegrar a mesa. Algumas flores amarelas para dar aquele ponto de alegria nos cantos específicos, um vidro de palmito usado virou potinho para colocar canudos de papel com bandeirinhas e o caixote virado de ponta cabeça serviu como bandeja para os brigadeiros.

Inicialmente feitos no copinho descartável, os brigadeiros de paçoca foram colocados em forminhas de papel imitando fogueiras. Além disso, na colhezinha de lacinho coloquei retalhos de tecidos coloridos para ficar rústico e alegre ao mesmo tempo. Olha como ficou:

E que tal servir o arroz doce de um jeito diferente? Coloquei essa porção no copo americano enrolado com um retalho de tecido cortado grosseiramente, que ficou preso ao copo por um nó e um mini prendedor de varal. Para complementas, que tal pau de canela e pé de moleque? Que seja doce:

No detalhe, os potinhos caipiras. Com a ajuda de cola quente e alguns retalhos de pompom, coloquei os tecidos no mini vidro e em seguida colei os chapéus. Pronto, temos potinhos caipiras que fazem toda a diferença com colheres temáticas e super fofas né?

O mesmo conceito, levei para o vinho quente: pedaços de sisal enrolados no copo e presos por prendedores coloridos. Fica ainda mais lindo para servir.

E em outro cantinho organizamos a mesa de cachorro quente, simples e colorida: desta vez a toalha de chita escolhida foi amarela e os lanchinhos foram servidos em mini saquinhos coloridos dentro de um caixote forrado por um tecido colorido. Dá pra adaptar para outros lanchinhos e usar esta ideia para qualquer ocasião. Além de colorida, deixa a mesa super convidativa.

Alguém aí aceita um pastel? Carne ou queijo? Qual o seu sabor favorito?

E aí o que achou destas sugestões juninas para deixar sua festa ainda mais colorida e animada? 🙂
Conta aqui!

    Recebendo os amigos em casa

     

    Uma das coisas que mais gosto de fazer em casa é receber os amigos. Além de trazer alegria e boas energias para dentro do lar, acredito que é possível comer muito bem em um ambiente descontraído e sem gastar muito. Por isso, sempre que bate a saudade ou a vontade de se reunir, dou a sugestão de trazer as pessoas pra cá e logo me inspiro para montar mesas deliciosas e com muito carinho.

    Antes de tudo, já começo a organização pelo número de convidados: este é o principal ponto para saber o tamanho da reunião e o tipo de recepção para organizar. Se for uma quantidade pequena de pessoas, é possível fazer um jantar e acomodar todos sentados. Já com um número maior, sempre prefiro finger foods, para que não haja a necessidade de talheres e os convidados possam ficar espalhados pelos ambientes sem a necessidade de comer à mesa.

    Outro ponto importante para considerar: existe alguma restrição alimentar? Eu, por exemplo, sou alérgica à queijo gorgonzola e tenho algumas amigas que não bebem bebidas alcoólicas. Então, é preciso adaptar o cardápio para quem você vai esperar. Vale a pena prestar atenção aos detalhes para tornar a casa o ambiente mais acolhedor o possível.

    Além disso, gosto bastante de caprichar no visual da mesa. Toalhas coloridas, flores e acessórios são alguns itens de decoração que você sempre irá encontrar por aqui. Além de deixar o ambiente lindo, mostra aos convidados que eles são bem-vindos e que você pensou com muito carinho para recebê-los. Gosto também de misturar as louças sem seguir um padrão.

    Você pode também criar uma mesa de acordo com um tema específico: estação do ano, dia da semana, feriado, etc… solte sua imaginação!

    Eu gosto bastante de misturar sabores, cores e texturas à mesa. Acredito que podemos fazer algo simples e misturar com comidinhas mais sofisticadas. Por exemplo, é legal montar uma tábua com queijos variados para petiscar… mas porque não servir também um pão quentinho para comer com azeite, sal e pimenta?

    Quando abro as portas de casa, invisto bastante na variedade: doces e salgados juntos para provocar a degustação e porque não criar novos sabores? E nem sempre isso está relacionado com altos investimentos. Queijo, pão, frutas, tomate, patês e geleias são comidinhas que rendem bastante e agradam a maioria das pessoas.

    A gente não precisa de desculpas para receber os amigos em casa. Basta usar a criatividade e o amor, que é possível tornar uma visita em parte do nosso lar.

    E aí, o que achou das dicas?
    Conta aqui 🙂

      Para alegrar a casa, Flor da Cidade

       

      Para começar bem a semana, que tal enfeitar a casa e a vida com flores lindas e perfumadas? Na última sexta-feira recebi a primeira entrega do serviço de assinatura de flores da Flor da Cidade: um arranjo maravilhoso com um mix de flores e folhagens da estação em um vaso de vidro lindíssimo para decorar a casa.

      A Flor da Cidade é um ateliê de flores online diferente das floriculturas tradicionais, com arranjos cheios de personalidade, nasceu na urbana São Paulo para deixar a casa e a vida mais alegres! Os serviços oferecidos incluem assinaturas florais, buquês de noiva, kits para presente, terrários e pequenos eventos.

      É possível fazer assinaturas mensais com 4 entregas semanais a partir de R$ 250, comprar buquês avulsos a partir de R$ 70 ou encomendar o seu próprio terrário a partir de R$ 100. O frete é grátis e as flores chegam em casa lindas, frescas e impecáveis para ir direto para a decoração de qualquer ambiente.

      O serviço está disponível nos seguintes bairros de São Paulo: Alto da Lapa, Alto de Pinheiros, Bela Vista, Butantã, Cerqueira César, Higienópolis, Itaim, Jardins, Pacaembu, Lapa, Perdizes, Pinheiros, Pompéia, Moema, Morumbi, Sumaré, Vila Anastácio, Vila Leopoldina, Vila Madalena, Vila Nova Conceição, Vila Olímpia, Vila Romana.

      Vale a pena conferir o serviço, é pra se apaixonar!

      Dicas de como manter o seu arranjo bonito por mais tempo:

      1. É aconselhável manter o arranjo em um vaso transparente para que fique mais fácil observar a quantidade e tonalidade da água. Ela deve cobrir aproximadamente três dedos (5 cm) dos caules e estar constantemente limpa;
      2. Evite que as folhas entrem em contato com a água para não causar mau cheiro e acumular bactérias; isso diminui a vida das flores;
      3. Mantenha seu arranjo em local fresco, abrigado do sol e do vento;
      4. Faça a troca de água a cada dois dias, cortando cerca de 1 cm de caule na diagonal para que a flor absorva mais água. Se possível, execute o corte dentro de uma vasilha com água, isso impede que entre ar no caule e faz com que chegue mais água aos botões;
      5. Cada flor tem uma duração diferente, por isso, mantenha apenas as flores saudáveis no vaso. É possível criar outros pequenos arranjos com as flores que tiverem maior duração.

        Brunch de primavera em casa

         

        Este final de semana foi muito especial para mim e para este blog. Abri minha casa para receber alguns amigos e celebrar a chegada da primavera. A minha ideia era utilizar tudo o que eu tinha em casa para fazer a decoração e executar receitas fáceis, para mostrar aqui que com criatividade e amor, é possível transformar a casa em um ambiente aconchegante para receber a família e amigos em ocasiões especiais.

        A decoração ficou por conta da Carol e o bolo foi a San que fez: duas das minhas melhores amigas da faculdade que me ajudaram (e ajudam sempre!) a transformar esse sonho de primavera em realidade.

        No cardápio tínhamos muffin de omelete, pão de queijo, barquinha de tapioca com brie e mel, bolo de cenoura com brigadeiro, mousse de maracujá, pão com manteiga e geleia e bolo de baunilha com brigadeiro branco e recheio de morango. Tudo feito em casa e com muito carinho.

        Para beber servimos suco de laranja, água aromatizada com limão siciliano e hortelã, água sem gás e café quentinho e passado na hora.

        No espaço da churrasqueira, coloquei uma torradeira para colocar o pão caseiro e comer bem quentinho.

        Os convidados ficaram super felizes com a recepção e eu fiquei muito felizes com uma manhã cheia de energia positiva. Veja quem foi!
        A Mara Isa, minha amiga Menina Organizada.

        Essa turma animada que está sempre presente nos eventos de Gastronomia: Bru Calderon e o noivo, meu querido amigo Marco Bini e o Leandro e Caio, do Portal da Gastronomia.

        Minhas amadas amigas de decoração e arquitetura: Manu do Simplichique, Carol do blog Casa das Amigas (faltando sua sócia, a querida Cami!), a Babi do Apartamento.BT, Cami do Meu Apê 34 e a Naty, do Natalia Salla arquitetura.

        Pude contar também com a presença do Manu e Edu do Meu Apê 81.

        E estas são a Carol e a San, em uma foto de muito amor <3

        Com muitas flores e no clima do “faça você mesmo” é possível sim fazer uma recepção econômica, criativa de cheia de amor. Basta se inspirar!

        E a lembrancinha do brunch eram mini suculentas nas cápsulas de café, que eu ensinei a fazer aqui.

        Que venha a primavera 🙂