Meu cafofo também é chic (“risoto” de shimeji)

Por Peu.

“Se você pensa que meu cafofo é uma caverna onde mora um Ogro que só come carne você está QUASE enganado, eu também bebo cerveja…. rsrsrs

Sei que a carne não está tão na moda como antigamente, algumas leitoras me cobraram receitas mais lights e sem carne e eu também queria mostrar que tenho meu lado civilizado. Decidi então inventar uma receita de “risoto”, mas que na verdade é um arroz cremoso, que é praticamente um temaki de shimeji sem alga e feito na panela. Parece uma coisa muito louca, uma mistureba que tem tudo para dar errado, mas no final ficou bom e fácil de fazer.

Para a receita vamos precisar de:

  • Arroz: eu usei três medidas (aquele copinho que vem com a própria panela elétrica)
  • Água: sete medidas (uma a mais que o dobro do arroz)
  • Shimeji: uma bandeja (fiz com o branco que é o que tinha na lojinha, mas pode ser com o preto)
  • Cream Cheese: duas colheres de sopa
  • Cebolinha: quanto mais melhor

1

Depois de dar uma limpada no shimeji e soltar os “galhos”, tem que dar uma refogada com um pouco de manteiga/margarina. Assim que murchar um pouco e começar a juntar água, jogue um pouco de shoyu (o bastante para dar uma corzinha no negócio). Refogue mais um tempo para dar um sabor no shimeji e depois coloque o arroz cru.

2

O segredo agora é o carinho e a atenção!!! Rsrsrs…

Misture, depois que o arroz der uma fritada rápida com o shimeji e adicione metade da água (a medida de água é pouco mais que o dobro da medida de arroz). Deixe cozinhar até a secar quase toda a água e depois vá adicionando água aos poucos e mexendo (uma medida de cada vez). Eu coloquei mais quatro medidas (copinho da panela), mas o importante é colocar o bastante para o arroz ficar cozido e molhadinho.

Quando acabar de colocar a água é hora de coloca o cream cheese e a cebolinha. Primeiro coloque o cream cheese e mexa para incorporar bem ao arroz e depois que estiver bem dissolvido e só jogar a cebolinha e dar uma misturada de leve.

3

Está pronto nosso arroz/risoto!!! Pela foto acho que dá para perceber que decoração de prato ainda não é o meu forte, mas um dia eu chego lá 🙂

Além da gororoba do arroz, eu também fiz um pouco de shimeji na manteiga e um guioza no vapor só para dar uma sustância.

4

Por hoje é só, mais fácil que achar político corrupto em Brasília e mais rápido que as chuvas que estão caindo aqui em Sampa, esse foi nosso arroz-cremoso/rissoto/temaki-sem-alga de shimeji. Espero que tenham gostado e que testem a receita, qualquer duvida é só deixar nos comentários.

Grande Abraço e Brigaduuuuuuu”

4 total views, 1 views today

    Uma rapaz “de família”, nascido no interior e que veio ainda pequeno pra São Paulo, mas que não deixou o jeito bruto, rústico e sistemático de ser para trás. Trabalho com tecnologia e gosto muito de criar; aliás acho que exercitar a criatividade e botar a mão na massa são a minha praia. Não gosto de fórmulas, receitas, regras e ordens. Acredito que essas coisas limitam nossa capacidade de criar e ir além do que já fizeram. Dizem que sou chato, louco e do contra, mas eu discordo de tudo isso rsrsrs… Sou muito prático. Sou uma tentativa de conciliação entre ser empresário, amigo, dono de casa, cozinheiro, apreciador de cerveja, bom filho e bom vizinho. Mas no final das contas sou apenas mais um cara que gosta muito de estar entre amigos, de musica, cerveja e churrasco.

    2 thoughts on “Meu cafofo também é chic (“risoto” de shimeji)

    1. Maria Helena Goulart de Faria

      Receita provada e aprovada…fica muito boooooommmmm!!!!

      [Reply]

      caubi Reply:

      Aprovada mesmo! Ficou uma delícia!!! 🙂

      [Reply]

    Deixe um comentário

    O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

    *
    *