Santo Antônio, dá uma força!

santo_antonio_trezena-2

Caro Santo Antônio,

Eu sei que essa semana a rotina está bem corrida com a organização de eventos românticos, busca de promessas e simpatias mas, mesmo assim eu preciso desabafar. Sou aquela que se encaixa no perfil de quem já tentou de tudo um pouco e agora vive o “só acredito vendo”. Meio pessimista, eu sei; mas as coisas não estão fáceis por aqui.

Ovo submerso no copo com água à luz da lua cheia, pedra higienizada no sal grosso dentro da bolsa e pares de vela na cabeceira da cama. Já peguei buquê de noiva e tive meu nome escrito na barra do vestido. Sequestrei seu bebê e te deixei de castigo durante muito tempo no refrigerador: não resolveu e foi pro freezer mas depois que me falaram que eu teria meu amor congelado, te tirei de lá e te coloquei em cima da geladeira, pra ficar no meio termo.

Ao meu redor as pessoas se apaixonam, se casam e tem filhos. Na fila do pão sempre tem um casal apaixonado, crianças correndo ou carrinho de bebê mas jamais um cara sozinho com uma garrafa de vinho procurando companhia. Quem vem puxar assunto é a vovó que está bem atrás, perguntando sobre a marca do queijo que estou levando e se ele tem muito colesterol.

Os tempos mudaram. Minha mãe quer que eu saia pra balada e me abra para as oportunidades mas, ultimamente nem a gripe vem fazer visita. Psicóloga, tarô e até minhas amigas repetem que o problema sou eu. Mas uma hora vai chegar, eu tenho certeza. Quando tiver que acontecer e for a hora certa, vai aparecer. Deus tá caprichando, eu sei. Mas bem que o senhor podia dar uma forcinha por aí para acelerar as coisas, me ajudar a furar essa fila de espera porque eu acho que alguém me colocou lá no fim.

Porque enquanto o grande amor não aparecer por aqui, vou ter que me virar como puder. Não me venha reclamar depois que estou comendo demais, bebendo demais ou gastando em supérfluos demais. Eu avisei que não tinha maturidade para o meio termo então não venha me falar que a culpa é minha. Dá uma ajuda aí?

    Paulista de sotaque e raízes caipiras. Aquariana, corinthiana, administradora, eterna romântica e dona de casa amante de panos de prato, potinhos e canecas. Um pouco fotógrafa, aprendiz de escritora, cozinheira em evolução e sempre otimista. Dramática e criativa, atravessando os 30 com histórias [quase] normais.

    4 thoughts on “Santo Antônio, dá uma força!

    1. Raquel

      Ótimo, como sempre escreve muito bem!
      Um dia uma pessoa me falou que eu não devia pedir Um namorado, Deus, Santo Antônio ou qualquer outro Santo que faz esse papel de casamenteiro… mandaria qualquer um que estivesse disponível.. e como dizem na língua de hoje, esse qualquer um talvez não esteja na mesma “vibe” que a sua… então ao fazer o pedido para eles, descreva o que você quer para você, e Eles com certeza te atenderão… sou prova disso… rs beijos

      [Reply]

      caubi Reply:

      Muito obrigada pelo conselho. Minha mãe sempre diz: quem procura acha, então vai que aparece qualquer coisa né?
      Melhor ficar como está! Hahahaha…
      Bjooosss

      [Reply]

    2. Maria Cleo Goulart

      Gabriela sabe porque ainda nao chegou seu príncipe ???
      É que você é muito especial e Sto. Antônio está escolhendo a dedo para não ter erro e isso demora um tempinho .
      Fique tranqüila, não precisa mais judiar do Santo ,quando menos esperar o Príncipe vai aparecer .

      [Reply]

      caubi Reply:

      Amém! Espero que venha bem caprichado mesmo hahahaha
      Bjoooos 🙂

      [Reply]

    Deixe um comentário

    O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

    *
    *