O Alumínio e o sucesso (Bife no forninho)

Por Peu.

“Mais freqüente na cozinha que o Roberto Carlos comendo Friboi, o papel alumínio sempre dá aquela força nas receitas sei lá desde quando. Para terem uma ideia da popularidade do cara, até eu que não tenho forno em casa tenho papel alumínio. Afinal, vai saber quando vamos precisar do nosso amigo multi-uso??!

Mas apenas alguns dias atrás eu descobri que a chave para o sucesso é feita de alumínio, melhor ainda, de papel alumínio. Depois do segredo que vou contar, tenho certeza que a vida nunca mais será a mesma. Talvez criem uma estátua para mim, dêem meu nome a uma cidade, façam um álbum de figurinhas do Peu…… ou não (o que é mais provável rsrsrs). Se vocês testarem e me contarem o que acharam já está de bom tamanho. 🙂

O bife do sucesso

Uma noite qualquer estava em minha casa preparando a janta e pensando como ia fazer aquele bife que não parava de olhar para a minha cara. O mais prático seria tacar na panela elétrica e mandar bala, mas eu sou chato, não gosto de fazer o simples e aquele bife estava me desafiando.

Foi ai que tive uma idéia e resolvi arriscar: Bife + Forninho + Papel Alumínio.

Parecia loucura, mas ficou muito bom, é super prático e foi super rápido. Melhor que isso só se fosse de graça!!!! rsrsrs…

Você vai precisar de:

  • 1 bife
  • Pedaço de papel alumínio (o bastante para embalar bem o bife)
  • Manteiga
  • Temperos
  • Shoyu

1

Eu passei um pouquinho de margarina no papel alumínio e por cima do bife, só para dar uma amolecida e dar um gostinho (isso é opcional, já fiz sem e deu certo também). Coloquei o bife (sem temperar), joguei algumas ervas secas (o tempero é pessoal, mas eu coloquei cheiro verde) e coloquei um pouco de shoyu.

2

Agora vem o segredo para ficar bom e você não fazer aquela meleca no forninho e no resto da cozinha: como fechar. A ideia é levantar todas as bordas e fazer uma trouxinha, depois aperte as duas extremidades para não abrir.

3

A carne vai soltar um pouco de água e se o embrulho abrir vai vazar para todos os lados. Outro cuidado importante é não furar o alumínio no momento de tirar do forno elétrico. Podem acreditar que se furar vai ser uma meleca geral (isso aconteceu comigo =/)

4

Se tudo der certo, após 10 ou 15 minutos (depende do forno e da carne), no final você terá algo como a foto acima, só que com pouco mais de caldo (foi esse que furou na hora de tirar rsrsrs).

É super prático, dá para usar essa ideia para todos os tipos de carne e até para inventar colocando umas cebolas vegetais pré-cozidos e tudo o mais que der na telha junto.

Por hoje é só, mais rápido que banho gelado no inverno. Tente fazer a receita, se aparecer alguma duvida é só deixar nos comentários e se fizer não se esqueça de mandar um foto pra gente.

E se você tem alguma dica legal ou receita que queria compartilhar com o pessoal aqui da Casa da Caubi, escreva aqui nos comentários! 😉

Grande Abraço e até mais!!!”

549 total views, 1 views today

    Uma rapaz “de família”, nascido no interior e que veio ainda pequeno pra São Paulo, mas que não deixou o jeito bruto, rústico e sistemático de ser para trás. Trabalho com tecnologia e gosto muito de criar; aliás acho que exercitar a criatividade e botar a mão na massa são a minha praia. Não gosto de fórmulas, receitas, regras e ordens. Acredito que essas coisas limitam nossa capacidade de criar e ir além do que já fizeram. Dizem que sou chato, louco e do contra, mas eu discordo de tudo isso rsrsrs… Sou muito prático. Sou uma tentativa de conciliação entre ser empresário, amigo, dono de casa, cozinheiro, apreciador de cerveja, bom filho e bom vizinho. Mas no final das contas sou apenas mais um cara que gosta muito de estar entre amigos, de musica, cerveja e churrasco.

    4 thoughts on “O Alumínio e o sucesso (Bife no forninho)

    1. Carol Elia Gloria

      Olá!
      Fiz a receita dos bifes no papel alumínio e ficaram uma delícia!
      Super suculentos, com bastante caldo, mas deixei 20 minutos meu forninho.
      Acho que carne em tirinhas deve ficar bom também!

      [Reply]

    2. Peu

      Oi Carol, tudo bom?
      Que bom que gostou da receita 😉
      Em tirinhas deve ficar bom mesmo, vou testar.
      O legal é que da pra inventar bastante, esses dias mesmo eu fiz no mesmo processo um peixe com cebolas e tomate e uma carne de porco com molho de cogumelos e cebola. Aprovados pelo pessoal aqui de casa.

      Brigaduuuuu!
      Grande Abraço

      [Reply]

    Deixe um comentário

    O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

    *
    *