Tarde de sol e brownie de frutas vermelhas

 

SONY DSC

Para mim, não existe descanso melhor do que um final de semana no interior. Paz, silêncio e tranquilidade para repor as energias e colocar as ideias no lugar. E foi assim este final de semana… sono em dia e novas receitas na cozinha. Entre as receitas, testei uma super diferente que fez muito sucesso no café da tarde da família: brownie de frutas vermelhas. A receita veio do site Westwing e, aproveitei o clima para caprichar na mesa.

Super fácil de fazer, a receita combina frutas, amêndoas e chocolate branco. Impossível não ficar uma delícia né? Veja como é fácil fazer e aproveite para se inspirar também!

Ingredientes:
⅔ de xícara de farinha de trigo
½ xícara de amêndoas picadas
½ colher de chá de sal
80 gramas de manteiga sem sal
½ xícara de chocolate branco
½ xícara de açúcar
2 ovos
1 colher de chá de extrato de baunilha
1 xícara de mirtilos, framboesas e amoras frescas

Modo de fazer:
Preaqueça o forno a 180 °C e prepare uma assadeira pequena, de 20 x 20cm com papel manteiga.
Em uma tigela misture a farinha, as amêndoas e o sal.
Coloque uma tigela refratária sobre uma panela de água fervendo levemente (cuidado para que a água não chegue na tigela). Coloque a manteiga e o chocolate na tigela e mexa com frequência até que os ingredientes estejam derretidos.
Adicione o açúcar e bata para incorporá-lo. Retire a tigela do calor, misture a baunilha e os ovos, um de cada vez, misturando bem após cada adição.
Junte os ingredientes secos e misture até ficar homogêneo. Adicione as frutas delicadamente, mexendo devagar.
Coloque a massa na forma e leve ao forno por 30 a 35 minutos. Espere esfriar e corte em quadradinhos.

E está pronto para servir! 🙂

SONY DSC

SONY DSC

Que tal? Gostou? Testou?
Conta aqui 🙂

    Paulista de sotaque e raízes caipiras. Aquariana, corinthiana, administradora, eterna romântica e dona de casa amante de panos de prato, potinhos e canecas. Um pouco fotógrafa, aprendiz de escritora, cozinheira em evolução e sempre otimista. Dramática e criativa, acabou de chegar aos 30 com histórias [quase] normais.

    Deixe um comentário

    O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

    *
    *