Receita do dia: moqueca de arraia

 

Faaaaala galera, tudo tranquilo?

Sim, é isso mesmo que você leu, moqueca de ARRAIA. Aquele peixe estranho que parece um tapete com rabo rsrsrs… A carne de arraia é parecida com cação mas com um sabor mais forte e diferente. Não é em todo mercado que eu encontro carne de arraia aqui em São Paulo, mas também não é tão difícil de achar.

Mas chega de papo e vamos para a receita. O mais trabalhoso é picar todos os ingredientes, mas depois disso é só misturar tudo e está pronto. 😉

Ingredientes:
1 kg de arraia em postas
1 cebola grande
1 pimentão vermelho
1 pimentão amarelo
1 tomate médio
3 dentes de alho
200ml de leite de coco
Pimenta do reino
Molho de pimenta
Açafrão
Sal
Cebolinha
Salsinha

Preparo:

Para começar pique os três dentes de alho e metade da cebola e refogue em uma panela grande com bastante azeite. Assim que começar a dourar coloque os pimentões cortados em tiras, o restante da cebola em fatias, o tomate, o peixe e tampe.

foto1

Depois de juntar bastante água, coloque uma boa pitada de açafrão, sal e pimenta a gosto e deixe ferver por mais uns 15 ou 20 minutos ou até reduzir bem a água. Acrescente o leite de coco e acerte o tempero e misture bem. Deixe no fogo por mais 5 minutos, deslique o fogo e acrescente a salsinha e cebolinha a gosto.

Pronto, nossa moqueca está pronta. Eu gosto de servir com arroz branco e na hora de servir ainda coloco um pouco mais de cebolinha no prato.

foto2

Mais uma receita super tranquila de fazer e com resultado final super legal. Por hoje é isso, tente fazer e se você tiver alguma duvida ou sugestão é só deixar nos comentários.

Grande Abraço e até a próxima, fuuuii!!!!

 938 total views,  1 views today

    Uma rapaz “de família”, nascido no interior e que veio ainda pequeno pra São Paulo, mas que não deixou o jeito bruto, rústico e sistemático de ser para trás. Trabalho com tecnologia e gosto muito de criar; aliás acho que exercitar a criatividade e botar a mão na massa são a minha praia. Não gosto de fórmulas, receitas, regras e ordens. Acredito que essas coisas limitam nossa capacidade de criar e ir além do que já fizeram. Dizem que sou chato, louco e do contra, mas eu discordo de tudo isso rsrsrs… Sou muito prático. Sou uma tentativa de conciliação entre ser empresário, amigo, dono de casa, cozinheiro, apreciador de cerveja, bom filho e bom vizinho. Mas no final das contas sou apenas mais um cara que gosta muito de estar entre amigos, de musica, cerveja e churrasco.

    Deixe um comentário

    O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

    *
    *